IndyCar: Alexander Rossi vence em Indianápolis

Alexander Rossi (Andretti Autosport) venceu o Gallagher Grand Prix, no traçado misto do Indianápolis Motor Speedway, 13ª etapa da temporada. Foi a sua primeira vitória no ano, e oitava a categoria. O dinamarquês Christian Lundgaard (Rahal Letterman Lanigan Racing) e o australiano Will Power (Team Penske) completaram o pódio.

O norte-americano Colton Herta (Rahal Letterman Lanigan Racing) liderava a prova, quando, com problemas mecânicos, ficou lento na pista na curva oito, na 42 volta. Lentamente Herta conseguiu chegar até a entrada dos pits, onde foi empurrado pelos seus mecânicos, até o seu pit, onde abandonou.

Rossi assumiu a ponta, e sem nenhuma bandeira amarela até o final, venceu com 3s5441 de vantagem sobre Lundgaard, que conquistou o seu primeiro pódio na categoria. Rossi não vencia na Indy desde o GP de Road Atlanta de 2019, 1113 dias atrás.
Power foi o terceiro, e assumiu a liderança do campeonato.

O neozelandês Scott McLaughlin (Team Penske) terminou em quarto, seguido parceiro de equipe, o norte-americano Josef Newgarden, e o holandês Rinus VeeKay (Ed Carpenter Racing).

O sueco Marcus Ericsson (Chip Ganassi Racing), que começou a prova na liderança do campeonato, mas largando em último, terminou na 11ª posição.

O brasileiro Hélio Castroneves (Meyer Shank Racing) terminou na 19ª posição.

Power lidera o campeonato com 431 pontos, seguido por Ericsson com 422 e Newgarden com 399.

A próxima etapa, no Circuito de rua de Nashville, acontece no dia 07 de agosto.

Final:

1 – Alexander Rossi (Dallara-Honda) – Andretti – 85 giri
2 – Christian Lundgaard (Dallara-Honda) – RLL – 3″5441
3 – Will Power (Dallara-Chevy) – Penske – 14″8481
4 – Scott McLaughlin (Dallara-Chevy) – Penske – 15″9694
5 – Josef Newgarden (Dallara-Chevy) – Penske – 18″4253
6 – Rinus VeeKay (Dallara-Chevy) – ECR – 22″9626
7 – Graham Rahal (Dallara-Honda) – RLL – 23″3542
8 – Scott Dixon (Dallara-Honda) – Ganassi – 23″613
9 – Felix Rosenqvist (Dallara-Chevy) – McLaren – 24″4659
10 – Alex Palou (Dallara-Honda) – Ganassi – 27″6401
11 – Marcus Ericsson (Dallara-Honda) – Ganassi – 35″0774
12 – Pato O’Ward (Dallara-Chevy) – McLaren – 43″0641
13 – David Malukas (Dallara-Honda) – Coyne – 50″1868
14 – Callum Ilott (Dallara-Chevy) – Juncos Hollinger – 51″9201
15 – Takuma Sato (Dallara-Honda) – Coyne – 57″1069
16 – Romain Grosjean (Dallara-Honda) – Andretti – 59″0527
17 – Conor Daly (Dallara-Chevy) – ECR – 60″1316
18 – Devlin DeFrancesco (Dallara-Honda) – Andretti – 61″788
19 – Helio Castroneves (Dallara-Honda) – Meyer Shank – 63″4684
20 – Jack Harvey (Dallara-Honda) – RLL – 64″5997
21 – Dalton Kellett (Dallara-Chevy) – Foyt – 1 volta
22 – Jimmie Johnson (Dallara-Honda) – Ganassi – 1 volta
23 – Kyle Kirkwood (Dallara-Chevy) – Foyt – 1 volta

Abandonos:

Colton Herta (Dallara-Honda) – Andretti – 43 voltas
Simon Pagenaud (Dallara-Honda) – MSR – 35

Campeonato:

1. Power 431; 2. Ericsson 422; 3. Newgarden 399; 4. Dixon 393; 5. O’Ward 385.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *