IndyCar: Após encontros com Lula e Kassab, Romancini revela que meta é disputar toda a temporada 201

Destaque da Fórmula Indy Lights em 2009, brasileiro espera definir nos próximos dias sua participação na São Paulo 300, primeira prova da categoria na capital paulista, e não descarta a possibilidade de disputar outras corridas na categoria principal neste ano.

Em viagem ao Brasil para uma série de reuniões que podem definir seu futuro no automobilismo, o piloto Mário Romancini aproveitou a oportunidade para participar da comitiva de pilotos da Fórmula Indy que se reuniu com o presidente Luís Inácio Lula da Silva e com o prefeito da cidade de São Paulo, Gilberto Kassab.

Destaque da temporada 2009 da Fórmula Indy Lights, Romancini trabalha para fazer parte do grid de largada da etapa de abertura da Izod Indy Car Series 2010, que será realizada nas ruas da capital paulista. Na quarta-feira (03), ao lado do prefeito Kassab e de outros seis pilotos da categoria, ele conheceu o circuito de rua que será montado na região do sambódromo, na zona norte da cidade.

“Foram duas reuniões muito legais. Todos os envolvidos com a organização da prova estão muito empolgados em fazer essa corrida e o presidente demonstrou grande interesse, principalmente, pelo fato de a Fórmula Indy usar o etanol brasileiro. Um ponto que é de grande interesse do país. Já em São Paulo, percebi que o prefeito está acompanhando de perto as obras. Pudemos conhecer a região do circuito e dar uma volta de carro nas ruas que vão receber a corrida”, comentou Romancini.

Agora o piloto volta aos Estados Unidos para dar sequência às negociações com seus patrocinadores para definir qual será o seu destino em 2010. “Seria ótimo estrear na Indy com uma corrida no Brasil”, destacou Romancini. “Estou negociando para correr essa prova de abertura, mas dependendo do patrocínio que conseguirmos captar, posso disputar toda a temporada. Espero ter novidades sobre esse assunto nas próximas semanas”, completou o piloto, vencedor de duas provas na sua temporada de estreia na Fórmula Indy Lights – a categoria de acesso para a Izod Indy Car Series.

O Brasil volta a figurar no calendário da categoria norte-americana depois de ficar ausente por quase 10 anos. Depois da última prova realizada no país – em 2000, no extinto circuito oval de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro – em 2010 surgiu e se concretizou a oportunidade de São Paulo receber uma etapa da categoria.

A chamada São Paulo Indy 300 vai abrir a temporada no dia 14 de março. O circuito terá 4.180 metros de extensão e foi projetado pelo neozelandês Tony Cotman, utilizando ruas da zona norte da capital como um trecho da Marginal do Rio Tietê, uma das principais vias da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *