IndyCar: Família apoia ida para Indy, mas Rubinho aguarda telefonema da F-1

Rubens Barrichello ainda não sabe qual será o seu destino em 2012. Enquanto descarta correr de Stock Car e tem convite para a Indy, o brasileiro aguarda um chamado para retornar à Fórmula 1, onde passou as últimas 19 temporadas.

“Nunca pensei que fosse a despedida (o GP de Interlagos, no Brasil) porque não é. Deixei meu futuro em aberto. Estou pensando na Indy, mas muita coisa pode acontecer. O telefone pode tocar a qualquer momento. Tenho nove linhas de telefone (risos), estou esperando me chamarem de volta (para a F-1)”, declarou ao Sportv o piloto que não teve seu contrato renovado e foi substituído por Bruno Senna na Williams.

Neste mês, Rubinho participou, a convite de Tony Kanaan, de um teste coletivo de Fórmula Indy e foi o mais rápido da disputa. Apesar da satisfação, o brasileiro ainda está em dúvida sobre mudar de categoria e, além disso, falta dinheiro para que ele corra pela equipe KV ao lado de Kanaan.

“Se for para não correr mais a F-1, a intenção é morar no Brasil. Mas talvez seja melhor ficar em Mônaco já que tem a possibilidade de algo acontecer. No caso da Indy, teria que ir para os Estados Unidos. Não sei, é uma série de perguntas que preciso achar respostas. A primeira etapa da Indy é em 25 de março, então tenho até lá para tomar uma decisão”, disse Barrichello, convicto apenas de que não correrá a Stock Car. “Neste ano não. É uma possibilidade para o futuro, tenho muitos amigos lá”.

Enquanto não decide seu futuro, Rubinho vê seus filhos fazerem campanha para ele ir para a Indy. “Estão sempre me perguntando do carro, que cor vai ser”, contou o piloto. “Minha família está tranquila. Ela viu a paixão que tenho por tudo isso. Então todos estarão felizes se eu estiver feliz”, completou o brasileiro, sabido de que precisa definir a situação logo. “Estamos aos 39 minutos do segundo tempo. Mas os árbitros costumam dar três minutos de acréscimos, não é?”, finalizou.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *