IndyCar: Final de semana difícil para os pilotos da Conquest Racing

Categoria segue sua maratona e disputa próxima etapa no sábado no oval de Nashville.

Pelo terceiro final de semana seguido, os pilotos da Indy Car Series estiveram na pista. Neste domingo (dia 6), foi disputada no circuito misto de Watkins Glen (EUA) a 10ª etapa da temporada. O norte-americano Ryan Hunter-Reay, da equipe Rahal Letterman, levou a melhor e venceu pela primeira vez na categoria. O inglês Darren Manning terminou em segundo e o brasileiro Tony Kanaan completou o pódio.


Na equipe Conquest Racing, Jaime Câmara e Enrique Bernoldi (Sangari) não tiveram um final de semana fácil, mas deram seqüência ao aprendizado na categoria. Ambos não concluíram a prova.


“Nunca havia disputado uma prova da Indy Car, nem treinado com este carro em um circuito misto. Isso tornou o final de semana bastante difícil para mim. Mas a cada treino vinha evoluindo e a corrida acabou servindo como um grande teste. Estava melhorando a cada volta e, no final, já vinha virando bem próximo do pelotão da frente”, declarou Câmara.


O piloto envolveu-se em um incidente com o companheiro em uma das relargadas da prova. “Larguei melhor e acabei tocando o carro do Bernoldi. Foi um erro sem querer”, explicou o piloto, que também abandonou, após rodar a apenas nove voltas do final, quando seu carro saiu de traseira em uma das curvas. No momento, o piloto estava entre os 15 primeiros.


Bernoldi, que havia largado em 16º, teve problemas desde o início da prova. “Estávamos com um acerto com muita asa e acabei prejudicado nas retas. O carro não tinha velocidade e fui perdendo posições”, contou o paranaense.


Os pilotos voltam à pista no próximo sábado (dia 12), quando será disputada a 11ª etapa, em Nashville (EUA).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *