IndyCar: Kanaan desembarca em Sonoma atrás da segunda vitória

Tony busca vencer mais corridas para AGR até o final da temporada.

O brasileiro Tony Kanaan desembarcou nesta quinta-feira (21) na Califórnia, onde no domingo (24) disputará a 15a etapa da Fórmula Indy 2008, o GP de Sonoma. A bela região onde são produzidos os famosos vinhos californianos é o local que está instalado o autódromo de Infineon. Kanaan, que venceu o GP de Richmond desse ano, busca a segunda vitória na temporada e, também, em Sonoma, pois o piloto da Andretti Green Racing faturou a prova em 2005, ano de estréia do circuito misto na categoria.


“Sempre gostei muito de correr em Sonoma, pois o circuito é bem seletivo com curvas de alta e algumas subidas fortes. A minha equipe também tem um bom retrospecto nessa pista e freqüentemente anda bem, então, estou animado para o nosso final de semana. Com certeza, farei o máximo para conquistarmos mais uma vitória. Aliás, ficarei bem contente se conseguir vencer mais vezes até o final do campeonato”, destacou o brasileiro, um dos quatro pilotos que ainda tem chances matemáticas de conquistar o título.


Kanaan disputou três provas no circuito em “Napa Valey” e nas três largou entre os seis primeiros, conseqüentemente, passou a todas as super-classificações. O treino classificatório, com três fases, vem sendo uma grande atração nos circuitos mistos em 2008. Em Sonoma, o grid será definido no sábado (23). A prova desse domingo (24) será a antepenúltima válida pelo título da Fórmula Indy nesse ano, restando apenas Detroit e Chicago, isso sem contar o GP da Austrália, que encerrará a temporada no dia 26 de outubro, mas não contará pontos para o campeonato.


No total, 27 carros disputarão a prova, com cada um deles tendo direito a dez jogo de pneus (40 unidades) e outros cinco sets (20 pneus) para serem utilizados em caso de chuva, desde os treinos livres dessa sexta-feira (22) até durante a corrida de domingo. Os pneus terão o mesmo composto macio que foram utilizados na prova de 2007. A pista sofreu apenas uma alteração entre as curvas 7 e 8, criando assim mais um ponto de ultrapassagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *