IndyCar: Kanaan sobre Nashville: “Preciso de mais uma guitarra”

O piloto da Andretti Green Racing busca a segunda vitória em 2008

A 11ª etapa da Fórmula Indy será o GP de Nashville, no estado norte-americano do Tennessee, uma cidade que respira a música country americana. É por isso que o troféu do vencedor é uma verdadeira guitarra, um dos favoritos entre os pilotos da categoria. Tony Kanaan tem o seu instrumento em sua sala de troféus quando venceu a prova em 2004, o mesmo ano que conquistou o título da Fórmula Indy. Aliás, foi na prova de Nashville que o brasileiro iniciou a sua arrancada campeã. Neste ano, com dois pódios nas últimas duas etapas, a vitória em Richmond e o 3º lugar no domingo passado em Watkins Glen, Kanaan espera “que e a sorte se mantenha definitivamente do nosso lado” para continuar diminuindo a diferença em relação ao neozelandês Scott Dixon, líder do certame. Após os bons resultados, a desvantagem de Kanaan caiu de 100 para 66 pontos.


“Precisamos vencer mais algumas provas para brigarmos pelo campeonato e é isso que temos em mente agora. Esse é um momento de definição de quem vai brigar pelo título nas últimas corridas, então, ganharmos outra guitarra seria algo incrível”, destacou o piloto da Andretti Green Racing. Para isso, Kanaan precisa encontrar um bom acerto no difícil oval de 1,33 milhas e superar a equipe Ganassi, que vem de duas vitórias nessa pista, em 2006 e 2007, com Dixon. “Nashville tem suas características bem diferentes dos outros ovais, pois a pista é feita de concreto e, por isso, é bastante abrasiva. Os pneus desgastam bastante. Além disso, existe muita ondulação e diversas variáveis nas curvas. Estou confiante que teremos um carro competitivo nesse final de semana”, explicou o baiano, que na terça-feira fez exames no pulso esquerdo, onde teve um osso trincado após o acidente no warm-up em Watkins Glen, e foi constatada uma melhora. O brasileiro espera competir sem a forte dor que sentiu durante o último domingo.


Sobre os pneus, a Firestone, fornecedora oficial da categoria, vai levar 1120 unidades para o Tennessee, sendo oito jogos (32 pneus) para cada carro, além de dois sets novos a mais para os novatos, que farão um treino extra nesta quinta-feira (10). Os engenheiros da Firestone também desenvolveram uma nova especificação especialmente para o concreto da pista country norte-americana. Os pneus do lado esquerdo serão do mesmo formato aos que foram utilizados no GP de Iowa, com o diâmetro maior, pois o apoio dos carros nas curvas sempre é feito desse lado. Já os dois direitos, serão iguais aos das etapas de Homestead, Texas e Kansas, porém, com uma calibragem bem mais alta.


Após 10 etapas realizadas, Dixon tem 370 pontos, seguido por Hélio Castroneves com 322, Dan Wheldon com 311 e Kanaan com 304. O GP de Nashville, que acontece neste sábado (12) à noite, com transmissão ao vivo da Band, será a quarta corrida consecutiva da “maratona” de provas no verão norte-americano, que iniciou em Iowa e só encerra após o GP de Edmonton, no Canadá, no dia 26 deste mês. No calendário, a Fórmula Indy terá um total de 17 corridas, podendo aumentar para 18 se for confirmado o GP da Austrália no final de outubro.


Confira a programação para o GP de Nashville:


Quinta-feira (10)


Treinos extra para novatos – 18h às 19h (todos em horário de Brasília)


Sexta-feira (11)


1º treino livre – 12h15 às 14h
2º treino livre – 15h45 às 17h45
Classificação – 19h30


Sábado (12)


Largada – 21h


GP de Nashville – 12 de Julho
11ª etapa de 2008
Circuito: Oval
Extensão: 1,33 milhas
Inclinação nas curvas: 14 graus
Inclinação na reta: 9 graus
Inclinação na reta oposta: 6 graus
Voltas: 200
Capacidade: 50.000 lugares
Melhor momento de Tony Kanaan: “Sem dúvida, a vitória em 2004”
Pior resultado de Tony Kanaan: “Com certeza, o acidente em 2007”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *