IndyCar: Mario Moraes em alta na Fórmula Indy

Paulista se prepara para disputar sua terceira temporada na categoria norte-americana.

Mario Moraes completou o seu segundo ano na Fórmula Indy em grande estilo. O piloto da KV Racing Technology foi o quarto a somar mais pontos nas últimas quatro corridas da temporada 2009, atrás apenas dos três primeiros colocados do campeonato, Dario Franchitti, Scott Dixon e Ryan Briscoe. O brasileiro conquistou 126 pontos e terminou a competição em 14º. Além disto, no circuito de Chicago, Mario conseguiu cravar o primeiro pódio da carreira ao finalizar na terceira posição. O brasileiro, de 20 anos, também concluiu três provas entre os cinco primeiros e largou na segunda posição na etapa do Japão, seu melhor resultado no grid. Em uma eleição realizada pela própria Fórmula Indy, o piloto foi eleito pelos colegas da categoria como “a maior surpresa do ano”.

De acordo com o paulista, segundo piloto mais jovem da categoria, o bom desempenho na temporada deve-se ao carro competitivo da KV Racing. “Nós tivemos um carro veloz por toda a temporada. Ano passado, cheguei entre os 10 primeiros apenas uma vez e nunca superior a 20ª colocação em circuitos ovais. Com a KV, em oito corridas de circuito oval, me qualifiquei entre os 10 sete vezes”, comentou.

Para Moraes, os ótimos resultados obtidos junto à nova equipe lhe darão mais experiência para a próxima temporada. “Meu primeiro ano com a KV Racing Technology foi de aprendizado. Eu aprendi mais este ano do que em qualquer momento de minha carreira. Desde o ajuste dos carros para análise de dados para fazer uma corrida inteligente, eu tentei aprender algo todo dia” comentou Moraes, que deixou de competir no GP de Mid-Ohio desse ano devido ao falecimento de seu pai. Na corrida seguinte, em Chicago, Mario conquistou o seu melhor resultado na categoria e dedicou a ele.

A expectativa para 2010 é bem positiva e Moraes negocia o seu contrato para o terceiro ano na Fórmula Indy. “Estou trabalhando forte fora das pistas, tanto fisicamente, como na negociação de contratos e patrocínios. A prova do Brasil será um atrativo a mais e com certeza uma emoção especial por correr na minha cidade”, falou o piloto, sobre a etapa inaugural do calendário de 2010, a etapa de São Paulo, no dia 14 de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *