IndyCar: Mário Moraes fecha o último treino na terceira colocação

Os pilotos estão prontos, os carros e as equipes também. Após quase um mês de trabalhos, Mário Moraes e a KV Racing Technology estão preparados para a disputa das 500 milhas de Indianápolis, no domingo (24 de maio), no Indianapolis Motor Speedway em Indiana, EUA. O brasileiro garantiu sua posição no grid no Pole Day, o primeiro dia da classificação, e largará em sétimo.

Então, o acerto do carro para a corrida virou o foco de Moraes e sua equipe. E os treinos da semana passada, entre 14 e 17 de maio, serviram para avaliar diversos ajustes no carro número 5, e acrescentar experiência ao jovem piloto, de 20 anos. O desempenho de Moraes foi surpreendente, andando sempre entre os cinco primeiros.

“Logo em meu segundo ano em Indianápolis, consegui garantir a vaga no “Pole Day”, na sétima colocação, o que foi muito bom. Durante a semana passada, trabalhamos bastante no acerto para a corrida e andamos sempre entre os cinco primeiros. Temos um bom carro de corrida. No entanto, são 500 milhas, ou seja, uma prova muito longa”
, afirmou Moraes. “A equipe KV Racing fez um grande trabalho o mês todo, nós temos um carro muito bom e sólido para a corrida. Eu acho que nós temos uma boa chance de terminar no top-10 e ainda mesmo ser capaz de lutar pela vitória. Eu preciso estar focado e ser paciente em toda a corrida, nós não podemos vencê-la na primeira volta”, concluiu.

Nessa sexta-feira (22), foi realizado o último treino antes da corrida de 500 milhas. Assim como nos treinos anteriores, Mário andou muito bem, e passou grande parte do treino em segundo. Ao final de uma hora, o piloto foi superado apenas pelo brasileiro Hélio Castroneves, e pelo australiano Will Power, ambos da Penske. Castroneves, aliás, é o pole-position da 93ª edição da lendária prova. O “Carburation Day” ainda conta com campeonato de pit-stop, shows, sessão de autógrafos, entrevistas e ações com patrocinadores. Além da corrida de 100 milhas da categoria de base, Indy Light, vencida por Wade Cunningham. No sábado (23), acontece a tradicional Parada Oficial da prova, onde todos os 33 pilotos do grid desfilam em carros conversíveis pelo centro de Indianápolis, levando milhares de fãs a loucura.

A evolução de Mário no circuito de Indiana é latente. Essa será a segunda participação de Moraes no superspeedway oval de 2,5 milhas. Ano passado, em sua estréia no IMS, ele correu pela equipe Dale Coyne Racing. Largou em 28º e terminou a corrida em 18º. As 500 milhas de Indianápolis é apenas a 12ª vez de Moraes em ovais, sendo a melhor colocação um 10º lugar em Nashville, em 2008. Mesmo ano de sua melhor posição final na categoria, um sétimo lugar no circuito misto de Watkins Glen. A corrida é válida pela quarta etapa da Fórmula Indy. O paulista está em 19º no campeonato, com 43 pontos. A Band transmite a prova neste domingo (24) para todo o Brasil a partir das 14h (horário de Brasília).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *