IndyCar Series: Bernoldi larga em 11º em Edmonton

Etapa deste sábado encerra seis finais de semana seguidos de provas na categoria.

O paranaense Enrique Bernoldi (Sangari) conquistou um bom resultado para a equipe Conquest Racing nesta sexta-feira (dia 25) durante a disputa do classificatório, que definiu o grid de largada para a 13ª etapa do ano no circuito misto de Edmonton, no Canadá. Com o tempo de 1min02s0227, o estreante larga na 11ª posição.


Na briga pela pole – o classificatório foi dividido em três partes – levou a melhor o australiano Ryan Briscoe, da Penske. Ele divide a primeira fila com o companheiro Hélio Castroneves. A etapa deste sábado (26) terá sua largada às 18 horas (de Brasília), ao vivo no Bandsports e Canal 21.


Já o goiano Jaime Câmara, também estreante, registrou o 25º melhor tempo, mas em virtude do formato do classificatório, perde duas posições. O piloto, no entanto, vai largar em 26º, já que Tony Kanaan deve trocar o motor e partir em último.


No classificatório, os pilotos foram separados em dois grupos. Cada um teve 20 minutos na pista. Os seis melhores de cada grupo seguiram para a segunda parte do classificatório, enquanto o restante formou o grid a partir da 13ª posição. Os pilotos do Grupo 1 definiram as posições impares e dos do Grupo 2 as colocações pares.


Esta segunda fase definiu do sétimo ao 12º colocado, onde os 12 pilotos tiveram 15 minutos na pista. Em seguida, os seis mais velozes tiveram 10 minutos para brigarem pela pole.


“No treino da manhã, nosso carro não estava tão bom, mas meu engenheiro (Brandon Fry) fez várias mudanças e achamos um caminho que foi melhor para a tomada. Consegui boas voltas na primeira parte. Na segunda fase, mudamos um pouco mais o carro, mas não ficou tão bom e só consegui repetir o meu melhor tempo. O carro estava escapando de frente, mas talvez essa mudança seja boa para a corrida”, comentou Bernoldi.


O piloto afirmou que a pista de 3,154 km tem bastante ondulação e acredita que a prova será difícil. “Vai exigir muito fisicamente. Espero fazer uma boa largada e ter um bom carro para chegar até o final e brigar por um resultado melhor”, completou o paranaense.


Câmara também acredita que a prova será difícil. O piloto comentou sobre o treino: “O formato do classificatório é bom para algumas pessoas, mas para mim não tem ajudado. Tenho sempre largado mais atrás do que deveria estar, levando em conta a minha velocidade. Mas é assim. Claro que estou chateado, mas a equipe tem trabalhado bastante e continuo aprendendo e progredindo neste tipo de pista. A corrida deve ser difícil amanhã, mas vamos tentar ganhar posições como em Mid-Ohio”, finalizou o goiano, que foi o 14º na etapa passada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *