IndyCar: Sétimo nos treinos, Tony teve dia difícil no Canadá

Estreante em Edmonton, brasileiro reclama de falta de estabilidade do seu carro.

A quinta-feira (24) marcou o inícios das atividades no autódromo de Edmonton, no Canadá, onde neste sábado (26) acontece a 13a etapa da Fórmula Indy 2008. Como se trata da primeira corrida oriunda do calendário da Champ Car, os dois mais rápidos do dia foram justamente os pilotos da extinta categoria, o australiano Will Power e o espanhol Oriol Servia, ambos da equipe KV Racing. O brasileiro Tony Kanaan, que andou pela primeira vez no traçado canadense, assim com outros 18 entre os 27 pilotos que participam da prova, terminou na 7a posição no somatório das duas sessões do dia.

O piloto da Andretti Green Racing destacou as dificuldades encontradas por ele durante os primeiros treinos nas 14 curvas e os mais de 3 km de extensão do autódromo que usa uma reta de um aeroporto. “Foi um dia difícil. Tivemos alguns problemas com o balanço do carro, por isso não encontramos um bom equilíbrio nas curvas. Com certeza podemos achar ainda mais velocidade, mas realmente precisamos melhorar a nossa estabilidade”, emendou o campeão da categoria de 2004.

Vencedor do GP de Richmond dessa temporada e atual 3o colocado no campeonato, Kanaan vai trabalhar bastante fora das pistas nessa noite, quando estará trancado em reuniões com engenheiros e mecânicos de sua equipe. “Estamos na reta final, então, cada prova é fundamental. Queremos brigar pela vitória no sábado e faremos de tudo para isso acontecer”, contou.

Na corrida no Edmonton City Center Airport, o carro numero 11 de Kanaan usa uma pintura especial, com a cor azul substituindo a tradicional verde, isso por causa do patrocinador Franck’s Energy Drink, parceiro do “titular ” 7-Eleven.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *