IndyCar: Suspensão quebra e Kanaan abandona o GP da Austrália

Tony acreditava em pódio antes do problema mecânico.

O brasileiro Tony Kanaan ocupava a 5ª colocação no GP da Austrália, após largar na 8ª posição, quando a suspensão traseira direita do Dallara/Honda número 11 quebrou o obrigando a abandonar a etapa comemorativa da Fórmula Indy. No circuito de Surfer´s Paradise, o campeão da categoria de 2004 fazia uma boa prova e tinha chances de brigar para estar no pódio. No entanto, na volta 34 das 60 no total, o brasileiro tentava ultrapassar o norte-americano Ryan Hunter Reay quando a quebra aconteceu o impedindo de continuar na prova, apenas se arrastou aos boxes.


“Trabalhamos muitos nesses dias depois dos treinos não terem sido tão bons, e realmente tínhamos um grande carro na corrida. Infelizmente, a suspensão traseira direita quebrou e acabou com as nossas chances. Eu não bati em nada, simplesmente senti que tinha alguma coisa errada. Acho que terminaríamos no pódio e com certeza isso me deixa ainda mais decepcionado”, comentou o baiano, 3º colocado na pontuação geral desse ano.


A vitória ficou com o australiano Ryan Briscoe, da Penske, que herdou a dianteira na volta 16 quando o seu compatriota, Will Power, pole-position, bateu sozinho no muro. Scott Dixon, da Ganassi, foi o segundo e Ryan Hunter Reay, da Rahal Letterman, completou o pódio. Com a realização da prova no “paraíso dos surfistas”, a Fórmula Indy encerra a temporada 2008. A primeira corrida de 2009 será no dia 5 de abril, no circuito misto de St.Petersburg, na Flórida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *