IndyCar: Will Power vence em Sonoma

O australiano Will Power (Penske) venceu neste domingo (22/08), o GP de Sonoma, no Infineon Raceway, na California, nos EUA, 13ª etapa da temporada. Foi a 5ª vitória de Power no ano. A dupla da Chip Ganassi, o neozelandês Scott Dixon e o escocês Dario Franchitti completaram o pódio.

Logo na largada lançada o inglês Dan Wheldon (Panther Racing) tocou no belga Bertrand Baguette (Conquest Racing). O campeão de 2005 capotou várias vezes, com seu Dallara-Honda parando de cabeça para baixo no meio da pista. Wheldon saiu ileso do carro. A bandeira amarela foi acionada pela primeira vez. Com a prova reiniciada Power, o pole-position, manteve a ponta, seguido pelo brasileiro Helio Castroneves, seu parceiro de equipe.

Com 15 voltas disputadas Power liderava com tranquilidade, com Castroneves em 2º, seguido por Franchitti, o canadense Alex Tagliani (FAZZT Race Team), o australiano Ryan Briscoe (Penske) e Dixon.

Três voltas depois Tagliani começou a ter problemas na pressão dos pneus, segurando o pelotão. Pouco depois, com um pneu furado, o canadense ficou lento na pista perdendo várias posições.

Briscoe perdeu duas posições seguidas, nas voltas 21 e 22, para Dixon e o inglês Justin Wilson (Dreyer & Reinbold Racing) caindo para 6º. Na 25ª volta, no momento em que a primeira janela de reabastecimento foi aberta, o brasileiro Raphael Matos (De Ferran Dragon Racing) e a suiça Simona de Silvestro (HVM), na disputa pela 6ª posição, se tocaram na Chicane, com Matos quase capotando.

Com mais de dez segundos de vantagem Power foi um dos primeiros a entrar nos pits, voltando sem perder a liderança.

A venezuelana Milka Duno (Dale Coyne Racing) rodou na curva sete, provocando a segunda amarela. A prova recomeçou na 36ª volta. Duas voltas depois nova amarela, novamente na curva sete. O norte-americano Marco Andretti (Andretti Autosport) tocou no compatriota John Hildebrand (Dreyer & Reinbold Racing), que ficou parado no meio da pista. O carro de segurança ficou três voltas na pista.

A segunda janela de reabastecimento e troca de pneus começou na 55ª volta. Franchitti, o segundo colocado, foi o primeiro a parar. Power, o líder, entrou duas depois. Na 62ª volta Dixon passou Franchitti, assumindo a segunda posição.

A quarta e última amarela aconteceu faltando dez voltas para o final. O japonês Takuma Sato (KV Racing Technology), seu parceiro de equipe, o venezuelano Ernesto Viso, Baguette e Matos chegaram juntos na curva. Os três últimos se tocaram com Baguette ficando parado no meio da pista.  Matos abandonou.

Na 69ª volta aconteceu a relargada. Dixon pressionou Power nas voltas finais, com o australiano recebendo a bandeirada com 0s7 de vantagem, após liderar 73 das 75 voltas disputadas. Franchitti foi o 3º, seguido por Briscoe.

Castroneves terminou em 4º, após resistir a pressão de Wilson e da dupla da Andretti Autosport, o brasileiro Tony Kanaan e o norte-americano Ryan Hunter-Reay. O norte-americano Graham Rahal (Newman Haas Racing) e o inglês Alex Lloyd (Dale Coyne Racing) completaram os dez primeiros.
 

Entre os demais brasileiros na prova Mario Moraes (KV Racing Technology) terminou na 11ª posição e Vitor Meira (A J Foyt Enterprises) em 15º.

Sato se envolveria em outro toque nas voltas finais, com a norte-americana Danica Patrick (Andretti Autosport), que deixou a musa da categoria furiosa. Patrick terminou em 16º, com Sato na 18ª posição.

Power lidera o campeonato com 514 pontos, 59 a mais do que Franchitti. Dixon é o 3º com 419.

A próxima etapa do campeonato acontece neste sábado (28), em Chicago, abrindo a serie final em circuitos ovais.

Final:

1º Will Power (AUS) Penske 75 voltas
2º Scott Dixon (NZL) Chip Ganassi 0s7432
3º Dario Franchitti (ESC) Chip Ganassi 6s6132
4º Ryan Briscoe (AUS) Penske 7s8607
5º Helio Castroneves (BRA) Penske 10s4594
6º Justin Wilson (ING) Dreyer & Reinbold Racing 10s9095
7º Tony Kanaan (BRA) Andretti Autosport 11s5246
8º Ryan Hunter-Reay (EUA) Andretti Autosport 11s8938
9º Graham Rahal (EUA) Newman Haas Racing 17s5019
10º Alex Lloyd (ING) Dale Coyne Racing 18s2069
11º Mario Moraes (BRA) KV Racing Technology 20s2411
12º Marco Andretti (EUA) Andretti Autosport 20s6759
13º Simona de Silvestro (SUI) HVM Racing 21s8239
14º Alex Tagliani (CAN) FAZZT Race Team 22s4858
15º Vitor Meira (BRA) A J Foyt Enterprises 24s2879
16º Danica Patrick (EUA) Andretti Autosport 46s1339
17º Hideki Mutoh (JAP) Newman Haas Racing + 1 volta
18º Takuma Sato (JAP) KV Racing Technology + 1 volta
19º Ernesto Viso (VEN) KV Racing Technology +1 volta

Não completaram a prova:

20º Francesco Dracone (ITA) Conquest Racing a 4 voltas
21º Raphael Matos (BRA) De Ferran Dragon Racing a 8 voltas
22º Milka Duno (VEN) Dale Coyne Racing a 8 voltas
23º Bertrand Baguette (BEL) Conquest Racing a 10 voltas
24º John Hildebrand (EUA) Dreyer & Reinbold Racing a 38 voltas
25º Dan Wheldon (ING) Panther Racing a 75 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *