Informações: Sob forte emoção, Ingo Hoffmann inaugura obra para abrigar crianças com câncer

Piloto apresenta primeira fase do projeto, denominado Casa de Apoio à Criança, idealizado pelo Instituto Ingo Hoffmann em parceria com o Centro Boldrini.


Emoção, choro, satisfação… Foram os sentimentos que marcaram a inauguração do Instituto Ingo Hoffmann, durante cerimônia ontem, em Campinas (SP). Em tarde de céu azul e sol, centenas de convidados – entre amigos, doadores, familiares, imprensa – se surpreenderam com o que viram. Ingo se emocionou, chorou, vibrou. A fase um do projeto Casa de Apoio à Criança e a Família, para abrigar crianças em tratamento intensivo de câncer, fora concluído.

O projeto é fruto de uma parceria do Instituto Ingo Hoffmann e o Centro Infantil Boldrini, hospital filantrópico, referência mundial no assunto. Com ‘aplausos à solidariedade’, forma que o locutor Chicão sugeriu para oficializar o ato, a obra foi inaugurada. “Não preparei nada, vou falar pelo coração”, começou Ingo, o alemão, um dos maiores ídolos do automobilismo nacional, voz embargada…

“Vou fazer um paralelo entre minha carreira e o que está acontecendo aqui hoje. Graças a Deus, recebi um dom… E esse talento que me proporcionou viabilizar junto com amigos do automobilismo esse desafio. Esse ano, estou tendo a pior temporada da minha vida … Mas o que estamos realizando aqui hoje vale mais do que todos os títulos que conquistei. E é um trabalho em equipe, que está me dando uma serenidade muito grande. Terminamos a primeira fase, agora vem a segunda, a mais difícil, viabilizar esse projeto mês a mês, com dignidade, apoio, voluntários. Como costumo dizer: essa é uma passagem só de ida e estou certo de que conto com os amigos para dar continuidade”, disse, ao lado da esposa Ruth, e dos filhos: Nina, Lygia e Robert.

A Dra. Silvia Brandalise, presidente do Bodrini, discursou: “O caminho que hoje iniciamos é longo, mas é de suma importância para os aspectos físico, mental e de inserção social para as crianças. São 30 chalés que garantirão a privacidade da família em momentos de alegria e de sofrimento. Amar é cuidar, doar é regar a vida, e aí Ingo, é comprometer a própria pele. Amigo é pra essas coisas”. Ao som de Imagine (John Lennon) uma corrente foi feita, numa vibração que contagiou a todos os presentes.

Nessa primeira fase, o Instituto Ingo Hoffmann vai construir e administrar 30 chalés para abrigar crianças juntamente com um familiar. A obra conta com 2.200 m2 de área construída num terreno de 6.000m2 de área total ao lado do prédio da Radioterapia do Boldrini, em Campinas (SP), facilitando qualquer atendimento de urgência. Além da construção, o Instituto Ingo Hoffman fará a manutenção e administração dos 30 chalés, distribuídos em 10 vilas e área social, com sala de aula, brinquedoteca, biblioteca, refeitório, lavanderia.

Esse é o novo desafio do piloto Ingo Hoffmann, um dos maiores ídolos do automobilismo nacional, que pôde viabilizar o projeto graças ao apoio de vários doadores, listados abaixo.

Doadores

Até o momento, o Instituto já angariou fundos através dos doadores: Action Power, Cristália, Disal Editora, Eurofarma, Família Giaffone, Família Julianelli, Filiperson, Gil de Souza Ramos, Guto Negrão, Medley, Livraria Siciliano, Pozzani (louças), Santa Helena Saúde, Sky, Stock Car, Thiago Camilo, Tintas JD, Instituto Possível (móveis), Villares Metals, Votorantin, Votoraço, Xandy Negrão. Além desses, parceiros do Boldrini – BioLab Famacêutica e McDonalds – também doaram recursos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *