Kart: Bia Figueiredo reforça equipe de Barrichello na Granja Viana

Estrela da Indy Lights sonha com primeira vitória nas 500 Milhas de kart.

Sempre apontada como principal favorita, a equipe comandada por Rubens Barrichello ficará mais forte – e bonita – na edição deste ano das 500 Milhas da Granja Viana. Com a presença de Bia Figueiredo, estrela da Indy Lights, o novo piloto da Williams da Fórmula 1 ganhou um reforço de peso rumo à conquista do seu nono título em treze tentativas. “Vou pilotar o kart 71 ao lado do próprio Rubinho, do Tony Kanaan, do Antonio Pizzonia e do Augusto Farfus. É uma equipe forte, que me leva a sonhar com a vitória”, elogia Bia, cujo melhor resultado no mais tradicional evento do kartismo brasileiro foi um 6º lugar em 2001.

A prova está marcada para sábado, com largada prevista para as 12h30 horas e duração de 644 voltas ou máximo de 11 horas. Os ensaios se intensificariam nesta segunda-feira, quando as equipes iniciariam os preparativos com os motores que serão usados na corrida. Bia seria uma presença garantida, ao lado de Barrichello e Kanaan. Os treinos serão diários até o dia da corrida.

Embora ainda corra atrás de uma vitória inédita, Bia está longe de ser uma novata na Granja Viana. Pelo contrário. Com apenas 12 anos de idade, ela participou da edição pioneira em 1997, quando um grupo de jovens kartistas desconhecidos, que incluía o agora mundialmente conhecido Felipe Massa, ocupou o degrau mais alto do pódio. Depois, voltaria ao kartódromo de Cotia em outras seis ocasiões.

Única mulher no mundo com o currículo recheado por vitórias na Indy Lights e na Fórmula Renault, Bia está próxima de realizar o sonho de estrear na Fórmula Indy em 2010. Enquanto isso não acontece, o kartismo é uma excelente alternativa para se manter em forma – foi a 15ª colocada no Desafio das Estrelas neste fim de semana em Florianópolis. “As 500 Milhas são uma grande festa, adoro correr lá. Correr de kart é algo que amo fazer e também uma ótima oportunidade para reencontrar a maioria dos pilotos “top” de categorias internacionais”, lembra.

Já com uma longa quilometragem no circuito, Bia ensina a receita do sucesso na Granja Viana. “Essa é uma prova que exige rapidez, mas sem descuidar da cautela para evitar batidas e o desgaste prematuro do equipamento. Se você terminar a prova sem problema mecânico e não se envolver em acidentes, a chance de chegar entre os seis primeiros é grande.”

Nesta terça-feira, a pista estará liberada para equipes e pilotos no período das 9 às 17 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *