Kart: Depois de grave acidente, Jonathan Louis volta com toda a força

O piloto de Curitiba, Jonathan Louis (Pincelli / Raceland / Transp. Falcão / Bisa / Nicrom / Kart Mania / Golden Fix / Plascon – Plásticos Concórdia / Camada Embalagens / Flexosteel) saiu de Farroupilha (RS) como vice-líder da categoria Júnior Menor no Sul-Brasileiro de Kart. O resultado não seria tão expressivo se ele não tivesse retornando às pistas depois de quebrar a clavícula mês passado na abertura do campeonato em Florianópolis (RS).

Foi um fim de semana difícil, porém satisfatório para o piloto Jonathan Louis. Ele participou da segunda etapa do Sul-Brasileiro de Kart na cidade gaúcha de Farroupilha. Depois de sempre estar entre os primeiros colocados nos treinos livres, Jonathan conseguiu a volta mais rápida em 38s072 e largou em segundo na primeira bateria. “Acho que faltou um pouquinho de experiência para conseguirmos a pole. No futuro também vamos chegar a este ponto”, declarou o piloto.

Largando bem, Jonathan acabou colocando um pneu na grama e rodou caindo para as últimas posições. “O carro estava liso para o início da corrida e acabei pegando muito na zebra depois do grampo e na outra zebra, a da reta da descida. Acabei tocando na grama e rodei”, explicou o piloto. Depois de empurrar o kart e voltar a prova ele terminou em 9º.

Na segunda bateria o paranaense mostrou porque é um dos melhores pilotos do país na categoria. Largando no meio do pelotão ele veio para cima dos ponteiros e terminou a segunda bateria em segundo lugar, impressionando os adversários. Na soma das duas baterias, Jonathan terminou a etapa em quarto lugar somando 11 pontos.

Independente do resultado a etapa serviu para mostrar que o piloto está recuperado. “Atingimos nosso objetivo”, explica Hemerson Louis, pai do piloto. “Sair de uma quebra de clavícula e voltar direto para uma corrida, após 30 dias sem fazer nenhum exercício, já é uma vitória. Foi uma grande demonstração que estamos aprendendo e muito. Então imagine daqui a alguns meses. Acredito que demos um susto na concorrência”, contou.

Antes de voltar para casa em Curitiba, Jonathan fez questão de agradecer o desempenho de todos os técnicos da equipe. “O Tibola está melhorando cada vez mais os motores. O Iferson arrumou o kart de uma forma que estamos cada vez mais rápido. Também quero agradecer o Gustavo por ajudar nessa melhora”.

Jonathan provou que está pronto para continuar competitivo. O retorno foi mais do que brilhante. Para a equipe, o objetivo nessa temporada é de tentar andar no mesmo décimo da categoria Júnior, uma acima da Júnior Menor, na qual Jonathan compete. “Em Farroupilha andamos apenas a três décimos de diferença da Júnior”, comemora Jonathan, que explicou que fazia anos que não tinha um equipamento tão competitivo.

Depois de duas etapas, Jonathan Louis está na vice-liderança da categoria Júnior Menor com 34 pontos. A última etapa será mês que vem em Curitiba (PR).

Classificação da Júnior Menor:
1° Guilherme Silva MG 46
2° Jonathan Louis PR 34
2° Johilton Pavlak Filho RN 34

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *