Kart: Felipe Leonardos sobe ao pódio na Shifter Kart

O final de semana não se desenhava dos mais promissores para o paulista Felipe Leonardos (Massoni Racing)/ Opus Papeis), que teve seu motor quebrado no final do treino de sexta-feira, para esta 1ª etapa do 2º turno do Campeonato Paulista Granja Viana, mas o que aconteceu foi exatamente o contrário. O piloto entrou no sábado, sabendo que o motor ainda deveria ser amaciado, e com o tempo escasso isso iria acontecer em grande parte na prova, contra as feras da Shifter Kart.

A categoria é sem dúvidas uma das mais empolgantes e com o maior desempenho entre os karts, já que conta com  motores 2 tempos de altíssimo desempenho, equipados com câmbio. O piloto, de 16 anos, fazia somente sua segunda prova na categoria, mas a despeito deste detalhe vem com um fantástico desempenho, mostrando grande adaptação à exigente categoria.


A primeira bateria foi uma batalha eletrizante entre David Simão, Guilherme Jacob e Felipe Leonardos, nas 21 voltas da corrida. André Souza, que partira da pole, havia escapado na frente e liderou até 14ª volta, quando seu kart apresentou problemas mecânicos. As últimas sete voltas foram eletrizantes, com Felipe tendo chances claras de assumir o segundo lugar, mas o motor ainda não totalmente amaciado rendia um pouco menos nas subidas do traçado, permitindo Jacob segurar o segundo posto.


“Foi uma corrida fantástica. Cheguei muito perto dos vencedores, e estou contente porque com a pouca experiência na categoria, já estou conseguindo acompanhar o ritmo dos ponteiros”, falou Felipe.


Na segunda bateria Felipe patinou na largada, mas fechou a primeira volta em quarto lugar, tendo recuperado duas posições. André Sousa conseguiu assumir a ponta e passou a abrir de Guilherme Jacob. O piloto da Massoni Racing manteve um ritmo fortíssimo durante toda prova, e após superar Rui Loiola assumiu o terceiro lugar.


Nas voltas finais Felipe travou emocionante duelo com Loiola, e sustentou com autoridade o terceiro posta até a bandeirada final. Após cruzar a bandeirada o piloto teve os prisioneiros da roda traseira direita quebrada.


“Vinha sentindo que a roda estava meio ‘bamba’ desde a largada, tanto que vinha a toda volta sinalizando para meu chefe de equipe, o Marcelo Felipe”, contou o piloto. “Por sorte a quebra só aconteceu após a bandeirada”, comemorou o piloto.


Na soma das duas baterias Felipe ficou em segundo lugar na etapa de abertura do segundo turno, somente atrás de Guilherme Jacob. Agora o piloto já pensa no 1º Campeonato Brasileiro de Shifter Kart, que irá ser disputado no Kartódromo da Granja Viana, no final deste mês .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *