Kart: Fernando Mattos encerra preparação para o Brasileiro na Copa Centro-Oeste

O piloto brasiliense Fernando Mattos (Indústrias Rossi / Buba Competições) disputou no último domingo, 29, no Kartódromo Ricardo dos Santos, em Goiânia – GO, a quinta rodada da 6ª Copa Centro-Oeste de Kart.

O piloto, atual líder da competição, chegou a esta etapa com o objetivo de ampliar sua vantagem na tabela de classificação, mas, principalmente, finalizar sua preparação para o Campeonato Brasileiro de Kart, que será realizado na próxima semana, na cidade de Eusébio – CE.


Desta forma, seu cronograma começou com os treinos livres de sexta-feira, que foram divididos em duas sessões livres de uma hora cada. No sábado, pela manhã, foi realizada mais uma sessão e, à tarde, a tomada de tempos.


Nesta sessão classificatória já foi possível constatar o alto nível de competitividade que existe hoje entre os pilotos da categoria Mirim. Com idades entre seis e oito anos os atletas extraíram o máximo dos equipamentos e pelo menos cinco deles chegaram a liderar a tomada. Ao final, com apenas oito centésimos de diferença para o líder, Fernando conquistou a segunda posição. A pole ficou com Luiz Branquinho, de Goiânia.


Animado, Fernando partiu então para a primeira bateria. Mesmo estando pela parte suja da pista o piloto largou bem e conseguiu manter sua posição. Na primeira curva, porém, seu kart foi tocado pelo de um dos adversários e ele rodou na pista, caindo assim para a última posição. Muito nervoso, mas, determinado, o garoto partiu então para uma brilhante prova de recuperação. A cada volta ele se aproximava mais do pelotão e não demorou muito para começar as ultrapassagens. Ao todo Mattos superou nove concorrentes, conquistou a volta mais rápida da corrida com o tempo de 48s306 e recebeu a bandeirada na segunda posição.


Na prova válida pela décima etapa o representante das Indústrias Rossi caiu para a quarta posição na largada. Na terceira volta, porém, ao tentar recuperar uma das posições perdidas, Fernando acabou saindo da pista e perdendo várias posições. Mas, desta vez, seu kart perdeu um pouco de rendimento e ele já não mais conseguia impor o forte ritmo da primeira corrida. Assim, o piloto ainda conseguiu recuperar algumas posições, mas, terminou a corrida apenas na quinta posição.


“Fiquei triste de não ter conseguido um bom resultado na segunda bateria. Na primeira corrida eu ia ganhar se não fosse aquele menino me bater. Passei um monte de gente, mas, o Branquinho conseguiu abrir muito. Quero ganhar o Brasileiro e vamos correr muito lá”, exclamou o jovem piloto de sete anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *