Kart: Massa “abre os trabalhos” nas 500 Milhas da Granja Viana

Ferrarista mantém mistério sobre parceiros para a prova deste ano: “Não temos pressa”.

Atenção candidatos a uma vaga na equipe liderada por Felipe Massa nas 500 Milhas da Granja Viana deste ano. Se depender da disposição do piloto da Ferrari, que foi o principal destaque da abertura dos treinos livres nesta segunda-feira no kartódromo de Cotia, o mistério da formação definitiva do time ainda não tem data para ser desvendado. “Não há pressa. Ainda temos algum tempo até a semana da corrida”, afirmou Massa, que até agora só confirmou a inscrição de Lucas di Grassi e Popó Bueno nos karts de números 19 e 91.

Massa chegou à Granja Viana pouco depois do início dos ensaios, já no final da tarde e na companhia do amigo e parceiro Popó. Na véspera, ele havia participado das Finais Mundiais Ferrari, realizadas em Valência (Espanha) e pela primeira vez organizadas fora da Itália. Cumprimentou os integrantes da equipe dirigida pelo preparador Renato Marlia, trocou de roupa rapidamente, vestiu o macacão vermelho da equipe italiana e entrou na pista para algumas poucas voltas iniciais. Retornou em seguida e recomendou os primeiros ajustes no kart. “A pista está muito ruim. Hoje, a idéia é apenas que os pilotos andem um pouco para pegar a mão do equipamento”, explicou Marlia.

Di Grassi também começou a preparação para a 13ª edição da prova mais tradicinal do kartismo brasileiro. Ele vive a expectativa de estrear na Fórmula 1 em 2010. “Acho que seria importante para o Brasil contar com quatro pilotos na categoria”, ressaltou, otimista com a possibilidade de se juntar a Massa, Rubens Barrichello e Bruno Senna, este último o único nome anunciado por uma das quatro equipes novatas, a Campos Meta. “Minhas chances na Manor são boas. Espero que tenhamos novidades nas próximas semanas”, continuou, acrescentando que a Renault – onde vem trabalhando como piloto reserva e de testes nos últimos anos – ainda é uma porta aberta. “Eles têm algumas opções, e sou uma delas”, avisou.

Independentemente dos companheiros de equipe que vierem a convocar, Massa, Di Grassi e Popó sabem que terão uma dura missão pela frente: derrotar a equipe capitaneada por Rubens Barrichello, recordista de vitórias – oito em 12 corridas – ao lado do velho amigo Tony Kanaan. Barrichello viajou neste domingo para os Estados Unidos e os primeiros trabalhos com o lendário kart 72 foram conduzidos por Renato Russo, incorporado á equipe já em 2008. A presença de Russo no time é uma homenagem de Barrichello àquele a quem considera seu grande mestre no kart. Massa ganhou em 1997 e em 2002.

Os treinos na Granja Viana serão retomados somente na próxima segunda-feira, novamente no horário das 17h05 às 22h30.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *