Kart: Pizzonia acelera no Desafio Internacional das Estrelas

Amazonense participou de todas as edições e venceu uma bateria em 2007.

Para quem gosta de andar de kart, nada melhor do que dividir a pista numa confraternização com alguns dos principais nomes do automobilismo mundial. É assim que o amazonense Antonio Pizzonia parte para a disputa da quinta edição do Desafio Internacional das Estrelas, que acontece neste fim de semana (28 e 29/11) na Arena Sapiens Parque, em Canavieiras, na região metropolitana de Florianópolis (SC). O Sportv mostra a 1ª bateria ao vivo no sábado às 16h e a TV Globo transmite a segunda bateria no domingo, às 11h.

“É fantástico participar deste evento. Eu adoro correr de kart e uma das coisas que me anima participar deste evento é a oportunidade de dividir a pista com amigos de várias categorias, que seguiram carreiras diferentes e alguns que começaram e correram comigo”, explica Antonio Pizzonia, que participou de todas as edições do Desafio e venceu a primeira bateria da competição em 2007.

“É uma iniciativa muito legal do Felipe (Massa) e que hoje se tornou um evento importante no calendário do automobilismo”, continua. “O evento tem várias coisas positivas. É ótimo para o público, que tem a oportunidade de ver de perto e ficar próximo de grandes pilotos, e ainda assistirá a provas bem disputadas, de alto nível. Isso é bem bacana”, conta o ex-piloto de Fórmula 1 e que agora atua na Superliga.

Mas a diversão não fica apenas com os espectadores. “Para a gente também é muito bom. É algo mais divertido, relaxado, mas com certeza todo mundo quer ganhar”, garante Antonio, um dos pilotos mais alegres e descontraídos do evento, que deve garantir boas risadas aos seus colegas com o alter-ego que criou batizado de ‘Antonio Slash’, que fala em “portunhol” e usa uma peruca igual ao cabelo do guitarrista Slash, ex-Guns N’Roses.

Para isto, ele estará estreando uma nova pintura de capacete, com tubarão no topo, uma boca ‘brava’ embaixo, cabelos encaracolados e alguns parafusos soltos nas laterais. “O desenho é fruto de uma brincadeira que combinei com o meu amigo ‘Tocha-man’, que é o Tony Kanaan”, diverte-se.

A pista de 1.207 metros que recebe o Desafio das Estrelas foi feita exclusivamente para a competição e ficou pronta a poucos dias do evento. O traçado foi inspirado nos circuito de Interlagos, Xangai (China) e Istambul (Turquia). “Eu gostava muito da pista antiga, mas isso é uma mostra do crescimento do evento”, conta Pizzonia.

O amazonense acredita que o novo kartódromo pode ajudar o kartismo e consequentemente o automobilismo brasileiro. “É sempre bom ter uma pista a mais no Brasil. Quanto mais, melhor. E a estrutura promete ser muito boa, melhor do que a do kartódromo antigo”, comenta.

Pizzonia terá o apoio da cidade de Manaus e da Federação Amazonense de Automobilismo. A carenagem de seu kart trará a inscrição “Save the Amazon”, que é a tradução para o inglês da frase “Salve a Amazônia”. “Eu sempre defendi a preservação da Floresta Amazônica, que tem importância para todos em nosso planeta. Quero propagar essa mensagem para o mudo inteiro”, afirma o Jungle Boy, como ele é conhecido no exterior. O evento terá transmissão ao vivo para toda a Europa no canal Eurosports.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *