Kart: Temporada começa no sentido inverso

Copa Sorriso, a primeira competição do ano, utiliza o sentido contrário do kartódromo de Interlagos em São Paulo. Tricampeão Pan-Americano de kart quer vitória e vaga na final da Seletiva Petrobras.



Há quatro anos a temporada do kart em São Paulo começa girando para o sentido contrário. É assim que funciona a Copa Petrobras Sorriso Campeão – desde 2003 o primeiro torneio do ano – que utiliza o traçado inverso do Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, na zona sul da capital paulista. Com o apoio da petrolífera que dá nome a competição, a Copa Sorriso Campeão serve como termômetro para a temporada dos campeonatos regionais e classifica os primeiros nomes para a Seletiva de Kart Petrobras – torneio que premia em dinheiro o seu vencedor, decidido no final do ano. Entre os que já confirmaram presença na Copa Sorriso 2007, que será disputada no próximo dia 03 de fevereiro, está Felipe Guimarães (WebMotors), brasiliense de 16 anos de idade, que corre atrás de sua segunda conquista no evento – ele foi o vencedor da edição 2006. “O objetivo é garantir uma vaga na final da Seletiva, para não ter mais que se preocupar com isso pelo resto da temporada”, comenta o piloto que venceu a Seletiva Petrobras do ano passado na categoria Graduados B, em sua estréia no campeonato.

A Copa Sorriso Campeão apresenta já no próximo final de semana a grande mudança na Seletiva Petrobras 2007. Ao invés de duas categorias em disputa, o torneio volta a ter apenas uma classe – como aconteceu até 2004. Pilotos das categorias Graduados A e Graduados B correrão juntos nas etapas classificatórias da Seletiva – a começar pela Copa Sorriso – e disputarão as 14 vagas disponíveis para a grande final. Só neste final de semana já serão conhecidos os três primeiros classificados para a decisão – que neste ano vai dar 100 mil reais ao vencedor. Também como acontece na final da Seletiva, os pilotos da categoria Graduados vão correr com os motores Biland, de quatro tempos e 250 cilindradas. “É um motor bem diferente daquele que se usa nas competições de kart normalmente, mas não é um motor difícil de se adaptar. Tem seus segredos, mas não é um bicho de sete cabeças”, comenta Felipe Guimarães. Sobre correr no traçado inverso do kartódromo paulistano, Guimarães também deu sua opinião: “Fica interessante porque no sentido inverso a pista muda completamente. Você chega mais ‘forte’ nas freadas no final das retas e alguns pontos de ultrapassagem ficam diferentes também”.

Além da Seletiva de Kart, a Copa deste final de semana faz parte de outro programa da Petrobras: o Projeto Sorriso Campeão. Cada piloto participante deste torneio poderá cadastrar dois mecânicos que receberão, junto com suas esposas e filhos de até 12 anos de idade, um ano de tratamento odontológico básico totalmente gratuito. A Copa Sorriso Campeão terá provas de cinco categorias: Cadete; Júnior Menor; Júnior; Novatos e Graduados. Esta última será realizada em duas baterias. As corridas têm previsão de início para às 13h. O kartódromo de Interlagos fica dentro do complexo que abriga o autódromo sede do GP Brasil de Fórmula 1. O acesso é feito pela Avenida Jangadeiro, na altura do número 800. A entrada é franca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *