Mercedes-Benz Grand Challenge: Márcio Campos faz prova de recuperação e vence em Interlagos

Partindo da 15ª colocação, o piloto da Sicredi faz diversas ultrapassagens e recupera liderança do campeonato

 


 


 segunda corrida do Mercedes-Benz Grand Challenge prometia muitas emoções, por causa do grid invertido e do vice-líder do campeonato, Márcio Campos, estar partindo apenas da 15ª colocação, depois de um acidente na prova de sábado. E assim foi. Diversas ultrapassagens e disputas e uma vitória de garra de Márcio, que travou um belo duelo com o Fernando Júnior, até então líder do campeonato.


“Largando em décimo quinto eu sabia que seria complicado e estava muito calor dentro do carro. Fui agressivo nas ultrapassagens e cheguei rápido entre os primeiros. Depois comecei a ter problemas de freio, passei reto no final da reta, voltei, consegui administrar o problema e atacar o Fernando. Pressionei e consegui a posição”, disse Márcio Campos. Com a vitória, a dupla João e Márcio Campos reassumiu a liderança do campeonato com 98 pontos.


Fernando Júnior ficou feliz com a segunda colocação e comentou a experiência da parceria com Rodrigo Miguel. “Dividir o carro é uma experiência boa, o Rodrigo é meu parceiro em outros campeonatos e tudo está dando certo”, contou Fernando. “A corrida foi muito boa, porque bateram no meu carro no warm-up e outra equipe me emprestou as peças. Acho que tive um disco de freio danificado estava bem ruim, não tive como me defender do Márcio, completou.


O terceiro colocado na pista foi Rubens Tilkian, mas após a prova foi constatado que o carro estava com o peso abaixo do mínimo regulamentar, causando a exclusão da prova. Com isso, a terceira colocação ficou com Neto De Nigris, que se aproxima de Cesare Marrucci na luta pela terceira posição do campeonato. “Ainda estou muito longe em desempenho dos líderes, mas eu estou na luta e vou chegar neles”, comentou Neto.


A próxima etapa do Mercedes-Benz Grand Challenge acontece nos dias 20, 21 e 22 de julho no Autódromo de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.


Resultado final da 2ª corrida em Interlagos:
1º) Márcio Campos (RS), Sicredi Racing, 31min54s471
2º) Fernando Júnior (RS), WRC, a 1s332
3º) Neto de Nigris (SP), De Nigris-Europamotors, a 3s461
4º) José Fernando Amorim Júnior (SP), Fiolux Motorsport, a 6s624
5º) Cesare Marrucci (SP), CenterBus-Petrobras, a 14s637
6º) Betão Fonseca (SP), CenterBus-Petrobras, a 17s652
7º) Léo de Nigris (SP), De Nigris-Europamotors, a 30s403
8º) Rafael Zappelini (SC/Rodoerre), a 41s234
9º) Humberto Santos (SP), RSports, a 48s147
10º) Roberto Santos (SP), Webtranspo, a 56s554
11º) Renato Camargo (SP), De Nigris-Europamotors, a 1min38s815
12º) Michelle de Jesus (SP), Pink Energy Team, a 1 volta
13º) Carlos Kray (RS), RSports, a 1 volta
14º) Paulo Yamamoto (SP), Paioli Racing, a 2 voltas
15º) Sérgio Chamon (SP), Paioli Racing, a 3 voltas


DESCLASSIFICADO: Rubens Tilkian (SP), Scuderia 111, a 2s861


Classificação do Campeonato
1º) Márcio Campos/João Campos, 98 pontos;
2º) Fernando Júnior, 96 pontos;
3º) Cesare Marrucci, 87;
4º) Neto de Nigris, 73;
5º) Léo de Nigris, 58;
6º) Carlos Kray, 47;
7º) José Fernando Amorim Júnior, 45;
8º) Beto Rossi, 34
9º) Rubens Tilkian,33;
9º) Arnaldo Diniz Filho, 33;
11º) Sérgio Chamon, 28;
12º) Sérgio Martinez/Michelle de Jesus, 27;
12º) Renato Camargo, 27;
14º) Rodrigo Miguel, 25;
14º) Betão Fonseca, 25;
16º) Marcos Paioli, 21;
17º) Peter Gottschalk Junior, 20;
18º) Alexandre Papazissis/Beto Santos, 19;
19º) Rafael Zapelini/Luis Carlos Zapelini, 17;
20º) Roberto Santos, 14;
21º) Peter Michel Gottschalk, 12;
21º) Roberto Maggi, 12;
23º) Jorge Temake/Paulo Yamamoto, 4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *