Mil Milhas: Fernanda Parra forma dupla com o pai

Disputar as Mil Milhas Brasileiras em família não é exatamente uma novidade. Nas 33 edições da prova realizadas desde 1956, foram muitos os casos de pais e filhos, tios e sobrinhos e até mesmo de irmãos que dividiram o mesmo carro durante as cerca de 12 horas de duração da competição. Mas não é todo dia que se vê um pai e uma filha disputando, juntos, a corrida de longa duração mais tradicional do país.



Na edição de 2006, que será realizada no dia 21 de janeiro em Interlagos e marca o 50º aniversário de criação das Mil Milhas, o piloto e chefe da equipe Katalogo Racing, Fernando Parra, e sua filha Fernanda, piloto do Campeonato Paulista de Força Livre, dividirão novamente o volante de um Omega equipado com motor V8 de 450 cv. E esperam fazer bonito em sua categoriaque neste ano recebeu a denominação de STC e engloba modelos como BMW e Alfa Romeo.


 


A primeira vez que pai e filha correram juntos foi em 2005, quando a Katalogo Racing largou na quarta posição entre os carros da antiga categoria ST. Na ocasião, a equipe também teve como pilotos os irmãos André e Fabio Carreira, e esteve perto de chegar ao pódio, mas abandonou quando ocupava o quarto lugar. “Gostamos tanto de correr juntos no ano passado que neste ano decidimos repetir a dose”, disse Fernanda.


 


Depois de subir ao pódio em nove corridas do Paulista de Força Livre no ano passado, ela acumulou quilometragem suficiente para dividir a pista com algumas estrelas do automobilismo nacional e internacional que são aguardadas para essa edição histórica. “No início de 2005 eu tinha guiado muito pouco o Omega, mas, mesmo assim, consegui ser rápida e ainda suportei um turno longo, de duas horas. Agora, depois de uma temporada em que disputei praticamente todas as corridas do Campeonato Paulista, acho que poderemos ser ainda mais competitivos”, declarou a piloto.


 


A Katalogo Racing vem fortalecida para a edição comemorativa de 50 anos das Mil Milhas Brasileiras. O carro recebeu um novo motor V8, similar ao usado na Stock Car Brasil, que tem potência aproximada de 450 cavalos e é mais confiável que o anterior. Com esse novo motor deveremos ser mais competitivos, mas o importante em uma corrida como essa é mesmo a resistência. Esse também é um ponto forte do novo propulsor, o que nos deixa com boas expectativas”, acredita Fernando Parra. Em 2005, a Katalogo Racing abandonou a prova justamente por quebra desse componente do carro, quando ocupava a quarta colocação em sua categoria.


 


A edição que marca o cinqüentenário de criação das Mil Milhas Brasileiras será repleta de carros velozes e pilotos de ponta. Entre as máquinas, algumas chegam a custar mais de R$ 1,5 milhão de reais, como a Ferrari 575 e o Aston Martin DB9R. entre os pilotos, nomes de destaque no automobilismo nacional e internacional estarão na pista, entre eles Nelson Piquet, Tony Kanaan, Franz Konrad, Jean-Marc Gounon e Pedro Lamy. “Como nosso carro é menos potente, não temos a pretensão de bater os modelos que vêm de fora. Nosso objetivo é terminar a prova bem colocados em nossa categoria, e aproveitar a festa em família”, finalizou o chefe da equipe. Os principais adversários do Omega da família Parra serão a Alfa Romeo 156 da equipe TekProm, o Vectra da equipe Daytona, a BMW da Eurobike e o Omega da Tigueis.


 


Além de montar postos fixos de venda de ingressos em redes que comercializam os pneus Pirelli, patrocinadora do eventocomo a Caçula e Della Via –, a organização também disponibilizou a venda de ingressos para as Mil Milhas 2006 por telefone. O número a ser chamado é o (11) 2191-6950. As entradas que dão acesso às arquibancadas descobertas custam R$ 65 (sem direito à visitação aos boxes). As arquibancadas cobertas saem por R$ 150 (com passe de visitação). Para ficar no Paddock Mil Milhas Brasil o torcedor precisa desembolsar R$ 350,00.

Foto: Fábio Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *