Mitsubishi Cup: Etapa de Poços de Caldas esquenta a briga pelos títulos da temporada da Mitsubishi C

Quarta etapa agrada os competidores pelo alto nível técnico e mostra que competitividade do campeonato aumenta a cada prova

Sol, tempo seco e muita poeira marcaram o primeiro sábado de inverno do ano durante a quarta etapa da Mitsubishi Cup (rali de velocidade cross country), disputada em Poços de Caldas. Prova travada e técnica, com piso duro e liso, pista estreita, muitas sequências de curvas e trechos sinuosos fizeram a festa dos apaixonados por velocidade e pelos autênticos 4×4 da marca.

O traçado da prova possibilitou diferentes tipos de pilotagem e ressaltou a habilidade dos pilotos. “Tecnicamente, esta etapa foi a mais difícil das quatro e deu bastante trabalho para pilotos e navegadores, mas conseguimos agradar, porque elogiaram bastante”, ressaltou diretor técnico dos ralis da Mitsubishi, Detlef Altwig.

Com quatro das sete etapas concluídas, a briga pelos títulos da temporada foi um show à parte, nas categorias Pajero TR4R Light, Pajero TR4ER Light, PajeroTR4 ER, L200 RS, L200 Triton RS e L200 Triton RS Handcap. Décimos de segundos foram disputados do início ao fim pelas duplas nas três provas, de cerca de 30 quilômetros, e contagiou o público presente no circuito.

L200 Triton RS – Reinaldo Varella e Edu Bampi repetiram o resultado da etapa anterior e venceram novamente. Agora são três vitórias do veterano piloto. “O trabalho está dando certo. Não podemos perder o foco, queremos chegar na final e levar o título. A prova foi muito diferente, é como se estivéssemos em Mônaco: muita curva, bem travada e foi ótima”. “A gente entrou neste ano muito determinado e com mais dedicação, por isso o resultado está vindo na pista, tanto que o Varela fez uma pilotagem espetacular”, elogiou Bampi.

Os paulistas Marcos Baumgart e Kleber Cincea ficaram em segundo na categoria. “Fizemos o dever de casa bem feito e faltou um pouquinho, mas sabemos que a vitória está chegando; o objetivo é crescer cada vez mais”, afirmou Baumgart. “A nossa evolução está muito boa e a gente vem diminuindo a distância para o primeiro lugar. Batemos na trave de novo”, disse o navegador.

Na categoria Triton RS Handcap quem levou a melhor foi a dupla Michel Terpins/Sven Borries. Em segundo lugar, Juliano Diener e Vitor Muench.

L200 RS – O piloto português João Carlos Narciso da Silva Cardoso venceu a etapa na categoria. “Todos querem ganhar e nós também viemos com este espírito e deu certo, foi bom vencer pela segunda vez na temporada”. O navegador aprovou o circuito. “A prova teve bastante navegação, do jeito que eu como gosto, e fez a diferença para os primeiros colocados”.

Líderes da categoria, o catarinense Peterson Silva de Oliveira e o paranaense Gilson Rocha terminaram em segundo. “Acreditamos no nosso potencial e conseguimos manter a liderança, mas o campeonato está pau a pau”, avisou o piloto. “O desempenho foi relativamente bom, tentamos ser constantes e cometer poucos erros porque essa pista exigiu muito”, comentou Rocha.

PajeroTR4 ER – Quatro vitórias em quarto etapas foi o saldo positivo comemorado por Carlos Henrique Scheffer Jr e Rafael Malucelli, de Curitiba, na nova categoria movida a etanol. O piloto afirmou que o conjunto piloto/ navegador/ equipamento vem funcionando perfeitamente. “Vencer já é bom, mas numa categoria nova ganhar 11 das 12 provas é excelente, porque nossa dedicação ao rali é total. E o carro me surpreende a cada prova”. “Continuamos com o pé no chão. Estamos cada vez mais próximos, mas tem muita coisa para rolar e temos de continuar neste ritmo e nos dedicar aos treinos”, ressaltou Malucelli, que está há seis anos na Mitsubishi Cup. Logo atrás, com 6 segundos de diferença, veio a dupla Rodrigo Menberg/João Carlos Kazuo Fugimoto, de São Paulo.

Pajero TR4 ER Light – Apenas 4 décimos de segundos garantiram a primeira vitória da dupla Gláucio Vanderlinde/Idali Bosse, de Santa Catarina. “A prova deu bastante trabalho, fomos constantes e vencemos duas das três voltas”, disse o piloto, que começou no ano passado no campeonato. “Tínhamos de chegar na frente e conseguimos ganhar por 4 décimos, que é um piscar de olhos”, contou Bosse. Após a disputa acirrada, Alessandro César Tozoni e João Gilberto Ferreira Joca, de Jundiaí, ficaram em segundo. “No meio da segunda prova, já faltava fôlego, pois as referências eram muito próximas. Puxava ar e vinha poeira, mas adorei pilotar aqui”, brincou Tozoni. “Só porque fui dar uma olhada na quilometragem, perdi três referências, a prova estava muito rápida mesmo”, destacou o navegador.

Pajero TR4 R Light – Os catarinenses Gustavo Souza Gugelmin e Marcos Maia Panstein foram os mais rápidos nas três provas e venceram na categoria. “Hoje foi espetacular, a pista parecia um tobogã com subidas e descidas e, como era bem fechada, não permitiu erros. Vencer foi importante porque estamos em segundo no campeonato e não podemos vacilar”, disse o piloto Gugelmin. “Há duas etapas estamos com 100% de aproveitamento e o nosso objetivo é manter sempre as primeiras colocações, por isto estamos treinando”, completou o navegador.

Também catarinenses, mas de Blumenau, Carlos Roberto Girolla e Gilberto Cecílio Júnior ficaram em segundo e são os líderes da categoria com 14 pontos na frente. “Foi uma das melhores provas, exigiu bastante da equipe e estamos brigando para manter a liderança há duas etapas”, explicou Girolla. “Na última volta, preferimos ser mais conservadores e não arriscar para não comprometer o campeonato, e nos contentamos em chegar em segundo”, falou da estratégia o navegador.

Líderes – Com os resultados da etapa mineira, os líderes das categorias são: Reinaldo Varela/Edu Bampi -171 pontos (L200 Triton RS), Fábio Prada Ferreira/Edgar Fabre – 148 pontos (L200 Triton RS Handcap), Peterson S. de Oliveira/Gilson Rocha -162 pontos (L200 RS), Carlos Henrique Scheffer Jr./Rafael Malucelli – 179 pontos (Pajero TR4 ER), Albano dos Santos Parente Jr./João Gilberto F. da Silva – 153 pontos (Pajero TR4 ER Light), Carlos Roberto Girolla/Gilberto Cecilio Jr -147 pontos (Pajero TR4 R Light).

Na 12ª temporada, a Mitsubishi Cup continua atraindo a nata do cross country nacional pela organização, competitividade e circuito exclusivo. Com uma das maiores premiações do automobilismo brasileiro, o campeonato distribui cerca de R$ 570 mil ao final de sete etapas. A cidade de São Carlos, em São Paulo, sediará a quinta etapa em julho.

A Mitsubishi Cup tem patrocínio do Itaú, Gol Linhas Aéreas, Castrol, Pirelli, Magneti Marelli, Transzero, Mira, Mapfre, Daslu Homem e Artfix. Mais informações no www.mitsubishimotors.com.br

Classificação 4ª Etapa Mitsubishi Cup – Poços De Caldas/Minas Gerais

Categoria L200 Triton RS
1 Reinaldo Varela/Edu Bampi 00:25:23,1
2 Marcos Baumgart/Kleber Cincea 00:25:36,8
3 Paulo Rugna/Eric Darwich 00:25:45,3
4 Cristian Baumgart/Beco Andreotti 00:25:30,0
5 Michel Terpins/Sven Borries 00:25:52,9

Categoria L200 Triton RS Handicap
1 Michel Terpins/Sven Borries 00:25:02,9
2 Juliano Diener/Vitor Muench 00:25:18,7
3 Fabio Prada Ferreira/Edgar Fabre 00:25:28,3
4 Cristian Baumgart/Beco Andreotti 00:25:25,9
5 Augusto Soares/Rafael Capoani 00:25:40,2

Categoria L200 RS
1 Joao Carlos Narciso Da Silva Cardoso/Sidinei Broering 00:26:34,8
2 Peterson Silva De Oliveira/Gilson Rocha 00:26:39,7
3 Angelo Rinaldo Guazzelli/Ewerton Khoury De Silva 00:26:41,4
4 Afonso Henrique Maia Bastos/Jorge Adriano Peters 00:26:42,3
5 Armando Bispo/Joao Victor Ribeiro 00:27:11,7

Categoria Pajero TR4 ER
1 Carlos Henrique Scheffer Jr/Rafael Malucelli 00:26:44,6
2 Rodrigo Menberg/Joao Carlos Kazuo Fugimoto 00:26:50,4
3 Eder Benito/Fabio Rogerio Pedroso 00:27:05,7
4 Henry Grosskopf/Gunnar Dums 00:27:14,1
5 Ivan Machado Terni/Fausto Dallape 00:27:52,3

Categoria Pajero TR4 ER Light
1 Glaucio Vanderlinde/Idali Bosse 00:27:19,6
2 Alessandro Cesar Tozoni/Fabio Peralli 00:27:20,0
3 Albano Dos Santos Parente Jr/Joao G.Ferreira Joca 00:27:37,9
4 Flavio De Oliveira Saraiva/Sara Beatriz Volpato 00:28:04,8
5 Fabricio Zanella Duarte/Elaine Ribeiro Machado 00:27:44,5

Categoria Pajero TR4R Light
1 Gustavo Souza Gugelmin/Marcos Maia Panstein 00:26:49,6
2 Carlos Roberto Girolla/Gilberto Cecilio Junior 00:27:17,2
3 Renato Kahn/Gilze Ferreira De Araujo 00:27:26,7
4 Nadimir Kayser De Oliveira/Filipe Bianchini De Oliveira 00:27:21,5
5 Roberto Cunha/Bruno Lima 00:27:32,7

Classificação Geral – Mitsubishi Cup 2011

Categoria L200 Triton RS
1 Reinaldo Varela/Edu Bampi 171
2 Cristian Baumgart/Beco Andreotti 147
3 Marcos Baumgart/Kleber Cincea 137
4 Marcos Cassol/Luis Felipe 128
5 Augusto Soares/Sven Borries 117

Categoria L200 Triton Rs Handcap
1 Fabio Prada Ferreira/Edgar Fabre 148
2 Rodrigo Terpins/Kaique Bentivoglio 135
3 Michel Terpins/Sven Borries 133
4 Augusto Soares/Vitor Muench 126
5 Juliano Diener/Rafael Capoani 98

Categoria L200 RS
1 Peterson Silva De Oliveira/Gilson Rocha 162
2 Joao Carlos Narciso Da S.Cardoso/Sidinei Broering 128
3 Rodrigo Rezende Leis/Ronald Rezende Leis 125
4 Edu Piano/Solon Mendes 120
5 Afonso Henrique Maia Bastos/Jorge Adriano Peters 117

Categoria Pajero TR4 ER
1 Carlos Henrique Scheffer Jr/Rafael Malucelli 179
2 Henry Grosskopf/Gunnar Dums 152
3 Eder Benito/Dalmo Bergantin 147
4 Yuri Alexander Afonso/ /Flavio Marinho Franca 129
5 Rodrigo Menberg/Joao Carlos Kazuo Fugimoto 124

Categoria Pajero TR4 ER Light
1 Albano Dos Santos Parente Jr/Joao G.Ferreira Da Silva 153
2 Alessandro Cesar Tozoni/Fabio Peralli 143
3 Glaucio Vanderlinde/ Idali Bosse 122
4 Rafael Cassol/ Rodrigo Mello 111
5 Acyr Alexandre Becker/Joao Stal 110

Categoria Pajero TR4R Light
1 Carlos Roberto Girolla/Gilberto Cecilio Junior 147
2 Gustavo Souza Gugelmin/Marcos Maia Panstein 133
3 Renato Kahn/Gilze Araujo 119
4 Vilson Thomas/William Thomas 115
5 Nadimir Kayser De Oliveira/Filipe Bianchini De Oliveira 114

3º) Marcos Baumgart/Kleber Cincea ( São Paulo /SP) – 137;
4º) Marcos Cassol/Marcos Macedo (Rio Verde/GO) – 128;
5º) Augusto Soares/Vitor Muench (Caxias do Sul/RS) – 117.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *