Motocross: Grande Campeão do Motocross será conhecido em Rio das Ostras

A oitava e última etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross irá decidir o melhor piloto do Brasil. A disputa pelo troféu está emocionante, os únicos dois pilotos com chances de levantar o caneco são João Paulino “Marronzinho” e Leandro Silva. A prova acontece nos dias 30 e 31 de agosto, em Rio das Ostras, RJ.

Na categoria MX1, a disputa pelo título é entre as equipes Protork e Team Honda. O piloto João Paulino “Marronzinho” chega à última prova com 20 pontos de vantagem sobre o piloto da Honda, Leandro Silva. Marronzinho foi o piloto mais regular durante todo o campeonato. Além de ter pontuado em todas as etapas, o piloto de Santa Catarina venceu quatro das sete etapas realizadas. Já Leandro não pontuou na sexta etapa e ficou apenas em quinto lugar na última prova.
 
As outras categorias que chegam em aberto são a MXJr, CRF230 e MX3. Na MXJr, a disputa pelo titulo também é entre as equipes Honda e Protork. O piloto da Honda, Thales Vilardi, ganhou quatro etapas e agora tem 19 pontos de vantagem sobre Anderson Cidade.
 
Na categoria dos pilotos veteranos, a MX3, a disputa é entre os pilotos Milton Becker “Chumbinho” e Nico Soares. Chumbinho tem apenas 13 pontos de vantagem para o segundo lugar, Nico Soares. Na CRF230, a disputa pelo troféu é entre Carlos Eduardo Mendes e Marcos Roberto Roza. Carlos tem apenas quatro pontos de vantagem e chega a Rio das Ostras como favorito ao título.
 
Campeões Antecipados
 
Três categorias já sabem que são os campeões. São elas: MX2, 85cc e 65cc. Na MX2, o campeão é Rodrigo Selhorst. O piloto da KTM Oásis venceu apenas duas provas, mas marcou pontos em todas as etapas. Na última etapa, em Cachoeiro do Itapemirim, ES, o piloto de Rondônia chegou em segundo lugar e não pode ser mais alcançado por ninguém.
 
Na categoria dos pilotos mais jovens, 65cc, o campeão é Kaio Miranda. O jovem piloto foi superior durante todo o campeonato e só não marcou pontos na terceira etapa. Na 85cc, o campeão antecipado é o piloto da Honda, Rodrigo “Lama”. Lama venceu três das sete etapas já realizadas.
 
O Campeonato Brasileiro de Motocross tem patrocínio de Honda e Móbil e co-patrocinio da Protork. Apoio Pirelli.Supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *