Motocross: Piloto não resiste a acidente e morre na Costa Rica

Conhecido por desafiar a gravidade em suas manobras, o piloto de motocross freestyle Jeremy Lusk não resistiu ao acidente sofrido no último sábado e acabou falecendo na noite desta segunda-feira, em San José, a capital da Costa Rica.

Na ocasião, o atleta norte-americano falhou ao tentar executar a manobra “Heart Attack backflip”, no evento X-Nights, e acabou machucando a sua cabeça, sendo imediatante levado ao hospital de San José, em estado de coma. Entretanto, o atleta não resistiu às lesões em seu cérebro e faleceu dois dias depois. Além de seus pais, os pilotos Brian Deegan, Ryan Hagy e Cameron Steele também prestaram homenagens ao companheiro no hospital.

Em 2007, “Pitbull” Lusk, como é conhecido, também tentou realizar a mesma manobra, mas acabou sofrendo uma quedra, na semifinal dos X-Games de Los Angeles (Estados Unidos). Apesar de tudo, no ano seguinte, o piloto se redimiu ao conquistar o ouro na edição de 2008 da competição, realizada na Cidade do México.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *