MotoGP: Lorenzo ‘correrei na China nem que seja com uma mão’

Se tem uma coisa da qual o espanhol Jorge Lorenzo não pode ser acusado é de falta de vontade. O atual líder da Moto GP acaba de realizar uma cirurgia no ante-braço direito e mesmo assim garante que participará da próxima prova da categoria, em Xangai, na China, em quatro de maio.

“Correrei (na China) nem que seja só com uma mão”, afirmou o piloto, 20 anos, em uma coletiva de imprensa na qual falou sobre a cirurgia da última segunda-feira.


“Tudo foi mais do que bem. O doutor (Xavier Mir, responsável pela cirurgia) me explicou que o braço estava pior do que se pensava e por isso a decisão da operação foi acertada”, justificou Lorenzo.


Segundo Mir, este tipo de cirurgia é comum em pilotos que mudam de categoria, caso do espanhol, que veio das 250cc.


Recuperado das dores que o incomodavam, o espanhol garante que estará presente no Grande Prêmio da China e, aproveitou para se desvencilhar de qualquer favoritismo, apesar de ter faturado sua primeira vitória na categoria em Estoril, no último domingo, e de ser o atual líder da competiçã com 61 pontos.


“Não tenho nenhuma pressão. Os favoritos são um grande piloto espanhol, Dani Pedrosa, um tal de Valentino Rossi e Casey Stoner. Eu estou aqui para aprender e tudo o que chegue a mais será lucro”, concluiu o piloto da Yamaha.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *