MotoGP: Stoner vence GP da China e abre na liderança

O piloto da Ducati Casey Stoner conquistou sua segunda vitória consecutiva na temporada da MotoGP e terceira em quatro corridas, neste domingo, no Grande Prêmio da China. O líder da temporada conseguiu se manter forte na frente especialmente depois de Valentino Rossi, o pole position, errar na briga pela liderança.

“Foi uma corrida realmente difícil hoje”, disse Stoner após o GP. “Sofri muita pressão de Valentino que vinha atrás, ele cometeu alguns erros e pilotou de forma pesada. Acho que nós dois estávamos forçando muito.”

Rossi conseguiu se recuperar do erro para assumir a segunda posição, com a Suzuki de John Hopkins conquistando seu primeiro pódio com o terceiro lugar.

O companheiro de Rossi na Yamaha, Colin Edwards, que largou em terceiro, terminou apenas na 11ª posição, enquanto dois pilotos que tinham colidido na classificação e largado do fundo do grid, Loris Capirossi e Chris Vermeulen, fizeram uma grande corrida e terminaram em sexto e sétimo, respectivamente.

A vitória de Stoner aumenta sua liderança no campeonato sobre Rossi em 15 pontos, com Daniel Pedrosa, o seguinte mais próximo, com 49 pontos, ou seja, 22 atrás de Rossi. O GP de Jerez de la Frontera, vencido pelo heptacampeão, foi a única vez que Stoner não conquistou a vitória no ano.

“Na minha carreira nunca vi uma moto que fosse tão mais rápida que as outras”, disse Rossi sobre a Ducati vencedora. “Stoner tem grandes méritos porque ele está pilotando extremamente bem, mas é fácil quando você está 20 km/h mais rápido nas retas”, reclamou.

“Ele corre com uma grande vantagem psicológica, porque você não precisa fazer nada extra nas curvas porque nas retas há muita diferença. Gostaria de poder correr com duas motos que são iguais. De qualquer forma, ele está tendo uma grande temporada, pilotando muito bem, sem erros e é sempre preciso. Então, parabéns para ele”, completou Rossi.

O brasileiro Alexandre Barros, da Pramac D’Antin, sofreu um acidente logo na primeira volta da corrida chinesa, mas levantando logo em seguida conseguiu recuperar sua moto e voltar para a pista. Seu resultado, no entanto, se limitou ao 14º e penúltimo lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *