NASCAR Sprint Cup Cup: Com cirurgia marcada, Denny Hamlin vence em Martinsville

Denny Hamlin (Toyota) venceu na segunda-feira (29/03), a Goody’s Fast Pain Relief 500 no Martinsville Speedway, 6ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series. Seu parceiro na Joe Gibbs Racing, Joey Logano, foi o 2º, com Jeff Gordon (Chevrolet), completando os três primeiros.

Com a prova sendo transferida de domingo para segunda-feira, devido à forte chuva que atingiu o circuito, Hamlin também teve que adiar a cirurgia no joelho esquerdo de segunda para a próxima quarta-feira (31/03). O piloto se machucou em janeiro, jogando basquete. Casey Mears será o seu substituto durante o período de recuperação.

Depois de liderar o maior número de voltas, 172, Hamlin saiu da 10ª para a primeira posição nas seis voltas finais, após trocar os quatro pneus durante a bandeira amarela provocada por Jeff Burton (Chevrolet), que havia liderado 140 voltas.

A prova foi para a green-white-checkered finish (o final com a bandeira verde sendo agitada junto com a branca de última volta), quando Kyle Busch (Toyota) lambeu o muro ao disputar posição com Marcos Ambrose (Toyota) e Paul Menard (Ford) na curva três. Com a bandeira verde agitada Hamlin saiu da quarta posição para vencer pela nona vez na categoria, e terceira em Martinsville.

Após ser o líder nas duas últimas relargadas Gordon foi o 3º, depois de um toque com Matt Kenseth (Ford), que caiu de terceiro para 18º no final. Ryan Newmann (Chevrolet) terminou em 4º, seguido por Martin Truex Jr (Toyota) e Brian Vickers (Toyota).

Jimmie Johnson (Chevrolet) chegou em 9º, assumindo a liderança do campeonato. O pole-position Kevin Harvick abandonou na 408ª volta, ao levar o seu Chevrolet, com problemas nos freios, para a garagem.

Johnson soma 898 pontos, 14 a mais do que Greg Biffle (Ford), 10º colocado na prova. Kesnerth é o 3º, com 882, com Harvick caindo da liderança para a quarta posição com 837 pontos.

A próxima etapa acontece no dia 10 de abril, no Phoenix International Raceway.

Final:

1 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 508 voltas
2 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 508
3 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 508
4 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart/Haas – 508
5 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 508
6 – Brian Vickers (Toyota) – Red Bull – 508
7 – Clint Bowyer (Chevrolet) – Childress – 508
8 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 508
9 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 508
10 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 508
11 – Marcos Ambrose (Toyota) – Waltrip – 508
12 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 508
13 – Sam Hornish Jr. (Dodge) – Penske – 508
14 – Paul Menard (Ford) – RPM – 508
15 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 508
16 – David Ragan (Ford) – Roush – 508
17 – Kasey Kahne (Ford) – RPM – 508
18 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 508
19 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 508
20 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 508
21 – Mark Martin (Chevrolet) – Hendrick – 507
22 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 507
23 – Kurt Busch (Dodge) – Penske – 506
24 – Elliott Sadler (Ford) – RPM – 506
25 – Mike Bliss (Chevrolet) – Baldwin – 506
26 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart/Haas – 506
27 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 506
28 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 503
29 – Bobby Labonte (Chevrolet) – TRG – 499
30 – Jamie McMurray (Chevrolet) – Roush – 498
31 – Kevin Conway (Ford) – Front Row – 498
32 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 496
33 – Scott Speed (Toyota) – Red Bull – 491
34 – Robby Gordon (Toyota) – Gordon – 480
35 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 408
36 – Juan Montoya (Chevrolet) – DEI/Ganassi – 400
37 – David Stremme (Ford) – Latitude 43 – 307
38 – A.J. Allmendinger (Ford) – RPM – 173
39 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 67
40 – Max Papis (Toyota) – Germain – 52
41 – Aric Almirola (Chevrolet) – Phoenix – 43
42 – Dave Blaney (Toyota) – Prism – 24
43 – Michael McDowell (Toyota) – Prism – 19

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *