NASCAR Sprint Cup Series: Tony Stewart vence em Martinsville

Tony Stewart (Chevrolet) venceu no domingo (30/10), a TUMS Fast Relief 500, no Martinsville Speedway, 33ª etapa da NASCAR Sprint Cup Series, e 7ª do Chase. Foi a 3ª vitória do piloto da Stewart-Haas no ano e 42ª na categoria. Jimmie Johnson (Chevrolet) e Jeff Gordon, parceiros na Hendrick Motorsports, completaram os três primeiros.

Na 482ª volta Brian Vickers (Toyota) e Matt Kenseth (Ford), se enroscaram pela segunda vez, em menos de 40 voltas. Vickers, já com o carro bem danificado por cinco batidas anteriores, rodou, acabando de destruir o seu Toyota. A 18ª e última amarela da prova foi acionada.

Faltando três voltas para o final, aconteceu a relargada final. Stewart passou Johnson, recebendo a bandeirada final com 0s17 de vantagem. Stewart liderou apenas 14, das 500 voltas disputadas. Johnson foi líder em 61 voltas.

Gordon, que danificou seu carro em um acidente no começo da prova, fez uma prova de recuperação (liderando 114 voltas), para terminar em 3º.

Kevin Harvick (Chevrolet) foi o 4º, seguido por Denny Hamlin (Toyota) e Jeff Burton (Chevrolet). Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) terminou em 7º, com Martin Truex Jr. (Toyota) na 8ª posição.

Líder do Chase, Carl Edwards (Ford) alinhou na pole, devido a chuva que cancelou o treino classificatório. Contudo, Edwards teve problemas no começo da prova, perdendo uma volta. Apenas na 12ª bandeira amarela, com uma passagem livre, ele retornou a volta dos lideres. Ryan Newman (Chevrolet) fechou os dez primeiros, após ser tocado por Kurt Busch (Dodge) e provocar a penúltima amarela. Destes, Stewart, Johnson, Gordon, Harvick, Hamlin, Earnhardt Jr., Edwards e Newman disputam o Chase.

Entre os demais participantes do Chase, Kurt Busch, envolvido em três acidentes, terminou em 14º. Brad Keselowski (Dodge) andou entre os primeiros até rodar, depois de se envolver em um múltiplo acidente nas voltas finais, sendo o 17º. Kyle Busch (Toyota) liderou 125 voltas, porém um acidente com Kenseth na 464º volta, danificou o seu carro. Depois de um longo período nos boxes, ele retornou a pista, com o carro remendado, apenas para terminar a prova em 27º. Kenseth, com o carro todo arrebentado, ainda terminou em 31º.
 
A prova, na curtíssima pista de 0,526 milhas, teve 18 bandeiras amarelas (9-21, 29-35, 48-51, 66-71, 87-96, 106-111, 151-155, 198-203, 259-263, 362-368, 399-404, 409-412, 416-419, 428-432, 459-462, 465-473, 476-478, 494-497), por 108 voltas.

Edwards lidera o campeonato com 2273 pontos, oito a mais do que Stewart. Harvick é o 3º com 2252 pontos.

A próxima etapa acontece no Texas Motor Speedway, no dia 06 de novembro.

Final:

1 – Tony Stewart (Chevrolet) – Stewart-Haas – 500
2 – Jimmie Johnson (Chevrolet) – Hendrick – 500
3 – Jeff Gordon (Chevrolet) – Hendrick – 500
4 – Kevin Harvick (Chevrolet) – Childress – 500
5 – Denny Hamlin (Toyota) – Gibbs – 500
6 – Jeff Burton (Chevrolet) – Childress – 500
7 – Dale Earnhardt Jr. (Chevrolet) – Hendrick – 500
8 – Martin Truex Jr. (Toyota) – Waltrip – 500
9 – Carl Edwards (Ford) – Roush – 500
10 – Ryan Newman (Chevrolet) – Stewart-Haas – 500
11 – A.J. Allmendinger (Ford) – Petty – 500
12 – Casey Mears (Toyota) – Germain – 500
13 – Regan Smith (Chevrolet) – Furniture Row – 500
14 – Kurt Busch (Dodge) – Penske – 500
15 – Greg Biffle (Ford) – Roush – 500
16 – Travis Kvapil (Ford) – Front Row – 500
17 – Brad Keselowski (Dodge) – Penske – 500
18 – Joey Logano (Toyota) – Gibbs – 500
19 – Clint Bowyer (Chevrolet) – Childress – 500
20 – David Reutimann (Toyota) – Waltrip – 500
21 – Ken Schrader (Ford) – FAS Lane – 500
22 – Juan Montoya (Chevrolet) – Ganassi – 497
23 – Dave Blaney (Chevrolet) – Baldwin – 497
24 – Paul Menard (Chevrolet) – Childress – 497
25 – Kasey Kahne (Toyota) – Red Bull – 495
26 – Hermie Sadler (Ford) – Whitney – 493
27 – Kyle Busch (Toyota) – Gibbs – 493
28 – Mark Martin (Chevrolet) – Hendrick – 491
29 – Marcos Ambrose (Ford) – Petty – 488
30 – Brian Vickers (Toyota) – Red Bull – 484
31 – Matt Kenseth (Ford) – Roush – 477
32 – Bobby Labonte (Toyota) – JTG – 464
33 – David Ragan (Ford) – Roush – 444
34 – David Gilliland (Ford) – Front Row – 357
35 – Jamie McMurray (Chevrolet) – Ganassi – 85
36 – Reed Sorenson (Dodge) – Gordon – 77
37 – Scott Speed (Ford) – Whitney – 74
38 – David Stremme (Chevrolet) – Inception – 52
39 – Michael McDowell (Toyota) – HP Racing – 45
40 – J.J. Yeley (Ford) – Front Row – 40
41 – Joe Nemechek (Toyota) – Nemco – 33
42 – Landon Cassill (Chevrolet) – Phoenix – 27
43 – Mike Skinner (Ford) – Front Row – 7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *