Old Stock Race: Lopes e Alvarez Vencem a Primeira Etapa de 2020

Rafael Lopes e Ricardo Alvarez vencem na abertura da quinta temporada
Em duas provas de tirar o fôlego a Old Stock Race agitou o domingo em Interlagos com arquibancadas repletas de amantes dos clássicos do automobilismo nacional que vieram de várias cidades e estados com amigos e familiares, para participar da festa de abertura do campeonato.

Clima de confraternização nas arquibancadas e na pista os pilotos alinhados para a abertura de mais uma temporada, a quinta da categoria.  Após duas voltas de apresentação o Safety Car se recolheu e com bandeira verde, cinco carros se juntaram ao pole position da etapa Grego Lemonias no final do S do Senna: Pedro Gomes, Evandro Camargo, Ricardo Alvarez, Pedro Pimenta e Rafael Lopes, mas o líder conseguiu contornar a primeira curva na frente e em segundo Evandro Camargo se destacou no pelotão, mas Pimenta conseguiu ultrapassar o terceiro colocado e foi em busca de Evandro, deixando para traz o piloto do carro numeral 1.

Quem também avançou e conquistou varias posições foi Rodrigo Helal, que passou a integrar o pelotão da frente, agora formado por Lemonias, Pimenta, Camargo, Philippi, Rafael Lopes e ele. Passadas algumas voltas, Lopes conseguiu ultrapassar o Opala 64 de Marcos Philippi e  também Evandro Camargo, partindo para cima dois primeiros da prova, até emparelhar se com os Opalas 18 e 547 na subida do laranjinha proporcionando uma das melhores disputas já vistas na categoria, levantando o público presente no autódromo e na disputa, Pedro por dentro levou vantagem e Grego, que tinha ficado “espremido”entre os dois carros, perdeu também a posição para Rafael Lopes, que partiu para cima de Pimenta conseguindo a ultrapassagem indo em busca de mais uma vitória na categoria.

Faltando três voltas para o final, Helal Pimenta e Lemonias formaram um novo pelotão alternando as posições com vários toques entre os três e a direção de provas entendeu como atitude anti desportiva, punindo primeiramente os opalas 18 e 113 com 20 segundos acrescidos no tempo final de prova, mas substituindo a punição em seguida pela desclassificação dos dois carros e com isso, Evandro Camargo que era o quinto, finalizou a prova em terceiro, tendo à sua frente Pimenta em segundo e o vencedor Rafael Lopes.

Completando o pódio, Pedro Gomes do opala 22 em quarto, Felipe Mattos do opala 93 em quinto e Marcos Philippi com o numeral 54 em sexto.

Confira abaixo o resultado completo da primeira prova:

1. 547 Rafael Lopes em 24min58s680
2. 451 Pedro Pimenta a 11s998
3. 1 Evandro Camargo a  12s648
4. 22 Pedro Gomes a 17s460
5. 93 Felipe Mattos a 20s025
6. 64 Marcos Philippi a 22s707
7. 3 Ricardo Alvarez a 28s746
8. 9 Marco Maragno a 29s100
9. 12 Fabio Mencarelli a 1min10s343
10. 777 Rogerio Barbato a 1min31s807
11. 7 Amaury Biem a 2min00s245
12. 31 Glauco Barros a 2 voltas
13. 333 Ciro Paccielo a 2 voltas
14. 303 Cristian Cordeiro a 7 voltas
15. 38 Rodrigo Giordano a 8 voltas
16. 331 Christiano Julio a 12 voltas
17. 113 Rodrigo Helal – DQ
18. 18 Georges Lemonias DQ

A prova de complemento da primeira etapa teve o estreante Kleber “Eletric” Barcelos, parceiro de Rafael Lopes para esta temporada, ocupando a primeira posição no grid, com Daniel Kelemen, que agora também corre em dupla com Pedro Pimenta completando a primeira fila.

Já na largada, Kelemen foi ultrapassado por Felipe Matos que pulou de quinto para segundo trazendo com ele Ricardo Alvarez, Evandro Camargo e Marcos Philippi. Matos fez a ultrapassagem sobre Eletrick no final da reta principal na abertura da segunda volta, enquanto Marcos Philippi e Ricardo Alvarez ultrapassaram Evandro Camargo, mas no laranjinha Philippi abriu demais a curva, cedendo a posição para Alvarez que agora partiu em busca dos lideres.

Lemonias que largou em último passou na segunda volta em sexto lugar, chegando a ficar em quarto, posição que manteve ate o final da prova. Helal, que também cumpriu punição na primeira prova, teve o mesmo desempenho, ficando em sexto lugar no final da prova enquanto que o segundo pelotão teve disputas acirradas para saber quem completaria o pódio da prova.

Lá na frente, Alvarez e Eletrick fizeram uma prova à parte alternando a liderança curva a curva durante praticamente todo o tempo e na ultima volta Alvarez se aproveitou de uma escapada de Kleber na saída do lago e tomou a frente, com seu adversário insistindo ainda na ultrapassagem, mas Ricardo se manteve na ponta, cruzando a linha de chegada em primeiro. Completando o pódio Felipe Matos ficou em terceiro, Grego Lemonias em quarto, Marcos Philippi em quinto e Rodrigo Helal em sexto.

Abaixo o resultado completo da segunda prova:

1. 3- Ricardo Alvarez com 25min03s793
2. 547-Kleber “Eletric” Barcelos a 0s832
3. 93 Felipe Mattos a 4s747
4. 18 Georges Lemonias a 14s847
5. 64 Marcos Philippi a 15s389
6. 113 Rodrigo Helal a 15s479
7. 451 Daniel Kelemen a 21s667
8. 38 Vinicius Pimentel a 45s141
9. 333 Ciro Paccielo a 49s972
10. 7 Amaury Biem a 56s780
11. 31 Glauco Barros a 57s227
12. 12 Fabio Mencarelli a 57s324
13. 22 Alexandre Navarro a 1min11s245
14. 1 Evandro Camargo a 1 volta
15. 9 Marco Maragno a 4 voltas
16. 331 Christiano Julio a 8 voltas
17. 777 Rogerio Barbato a 11 voltas
18. 303 Cristian Cordeiro a 11 voltas
 

As duas provas da etapa tiveram a transmissão ao vivo pelo Youtube e a reprise pode ser vista em nosso canal oficial clicando no link www.youtube.com.br/oldstockraceoficial

A Old Stock Race volta ao Autódromo de Interlagos dia 17 de Maio para as emoções da segunda etapa da temporada 2020.

Nossos Opalas são equipados com Pneus Pirelli, Discos de Freio Fremax e Pistões AFP

Inscreva-se em nosso canal e ative as notificações para ser informado de todos os nossos eventos e transmissões.

Old Stock Race – A Emoção Está de Volta!

Fotos: Humberto Silva/OSR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *