Outras: Acidente marca o 1º dia de competições do Arrancadão de Tratores em Pira

O primeiro dia de competições do Arrancadão de Tratores em Piracicaba foi marcado pelo acidente do piloto Alexandre Schwaenberger, da equipe Bady Boy, de Marechal Cândido Rondon. Após cruzar a linha de chegada em uma das provas eliminatórias, realizadas hoje (sábado), explodiu a turbina de seu trator. Alexandre perdeu o controle da “máquina” e chocou-se contra a mureta de proteção. O trator tombou na pista e ficou seriamente danificado, enquanto que Alexandre saiu andando, mas sua participação na prova fica comprometida.
O GP de Piracicaba começou hoje à tarde e termina amanhã, quando será conhecido o campeão do primeiro GP da temporada. A promoção do evento é da HSJ Desenvolvimento e do Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo (ECPA), com supervisão da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP); e patrocínio da Vipal e Firestone.

Mesmo tendo manifestando preocupação com o acidente de Alexandre, Dorval Conci Júnior, da equipe Conci Motorsport, teve uma atuação perfeita e se constituiu no mais rápido das eliminatórias de hoje, com o tempo de 8s897 para os 201 metros da pista de Piracicaba. Ele entra como o líder das eliminatórias de amanhã, brigando por uma vaga nas semifinais.
Davi Harold Bretzke, da equipe Laranja Mecânica, conquistou a segunda colocação, com o tempo de 9s609; seguido por Valdecir Roloff (Scherer Race), com 9s621; Paulo Radetzki (Brutus), 9s639; Alexandre Poland (QM), 9s658; e Anildo Schanoski (601 Racing), com o tempo de 9s765, que pela ordem, fecham as seis primeiras colocações entre os 17 pilotos que disputaram as primeiras eliminatórias do GP de Piracicaba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *