Outras: Bruno Senna volta a vencer no Ferrari Challenge

Com dificuldades maiores do que na véspera, Bruno Senna conquistou neste domingo a prova de encerramento da rodada dupla do Ferrari Challenge em Silverstone (Inglaterra).

O piloto do Ferrari GB Dealer Team largou novamente na pole e liderou até à bandeirada, mas enfrentou resistência do italiano Giacomo Piccini durante boa parte da corrida. Piccini terminou em segundo, seguido do francês Ange Barden.


Bruno não encontrou as mesmas facilidades de sábado, quando o irlandês Michael Cullen terminou na segunda colocação. “Desde o treino classificatório da segunda prova eu achava que havia algo errado com os pneus. Hoje, o carro saiu de traseira o tempo todo. Tive de trabalhar bastante. Andei sempre em ritmo forte e não conseguia fugir do Piccini. Só abri uma folga depois da parada obrigatória nos boxes, quando ele se atrapalhou na entrada e ainda quase deixou o carro morrer. Só nas últimas voltas é que me livrei dele”, comentou.


Também no sábado, Bruno ajudou a quebrar um recorde para a Ferrari no evento que integrava as comemorações de 60 anos da fábrica italiana. A bordo de um modelo 599, Bruno comandou o desfile de 385 carros que estabeleceu nova marca mundial para veículos da casa de Maranello. “Foi uma coisa impressionante. Quando cheguei de volta aos boxes, depois de uma volta completa pelo circuito de mais de cinco quilômetros usado pela Fórmula 1, alguns carros ainda nem tinham partido.” O recorde anterior era de 128.


Nesta semana, Bruno deve comparecer à sede da Arden International para conversar sobre o planejamento da sessão de testes coletivos da Fórmula GP2 marcada para dias 19 e 20 em Paul Ricard, na França. Bruno pretende usar os ensaios para avaliar uma série de mudanças no acerto do seu carro. “Quero convencer meu engenheiro, Mick Cook, a fazer algumas experiências que podem melhorar o rendimento do carro. Não custa nada tentar. Se não der certo, é só voltar à receita que já temos.”

Os 10 primeiros em Silverstone:

1 – Bruno Senna (Brasil), Ferrari GB Dealer Team, 41 voltas em 41min21s499
2 – Giacomo Piccini (Itália), Motor, a 15s207
3 – Ange Barden (França), Stradale Automobile, a 15s375
4 – Michael Cullen (Irlanda), Rossocorsa, a 17s926
5 – Alexey Vasiliev (Rússia), HP, a 33s086
6 – Max Blancardi (Itália), Max Malucelli, a 35s184
7 – Nlek Hommerson (Holanda), Baron Service, a 35s883
8 – Dennis Hubner (Alemanha), Ulrich Frankfurt, a 36s639
9 – Nathan Kinch (Inglaterra), Ferrari GB Dealer Team, a 37s100
10 – Jirko Malcharek (República Tcheca), HP, a 48s357

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *