Outras: Fittipaldi chora de emoção durante palestra sobre equipe de F1

Wilsinho falou do time brasileiro, suas dificuldades, quando comentava sobre o filho, Christian, e caiu nas lágrimas. Depois, feliz com a receptividade, acelerou o modelo FD01 restaurado.


O ex-piloto e chefe de equipe Wilsinho Fittipaldi chorou de emoção hoje pela manhã em Interlagos, durante palestra que proferia sobre a equipe Fittipaldi, único time brasileiro da história da Fórmula 1. A apresentação fez parte do evento Clássicos de Competição, verdadeiro parque temático sobre o automóvel e sua história. Wilsinho falou sobre a equipe, suas dificuldades, suas façanhas e, em determinado momento, as várias perguntas do auditório lotado começaram a se voltar para a história da família Fittipaldi – o mais importante clã brasileiro da velocidade.

Uma das questões exigiu uma comparação entre a carreira de Christian, filho de Wilsinho, e a de Rubinho Barrichello. Quando já falava da F-1 e da ida de Christian para o automobilismo norte-americano, Wilsinho, que já vinha mostrando sinais de emoção ao discorrer sobre a equipe, caiu no choro. E se desculpou: “Lembrei que, hoje, o Christian está em Daytona, em uma prova de longa duração”, explicou. “Ele estava vindo muito bem, andando em terceiro, quando o motor quebrou. Mas já está de volta à prova, depois do conserto. Os problemas da carreira da gente são mais fáceis de enfrentar. Mas quem é pai sabe que quando se trata do filho as coisas ficam mais difíceis de encarar. Desculpem…”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *