Outras: João Paulo disputa segunda etapa da Super GT500 no Japão

Brasileiro foi o mais rápido nos treinos pré-temporada em Okayama com Nissan Z33 Fairlady Z.

O brasileiro João Paulo de Oliveira (Nissan) volta a participar do Campeonato Japonês de Super GT, que terá os 300 Km de Okayama disputados neste domingo (9/4) por 41 carros. “Estou bastante confiante e motivado para a corrida deste fim de semana”, avisa. O paulista ocupa a décima posição no certame multimarcas, onde quatro modelos diferentes ocupam as quatro primeiras posições. A liderança é da dupla nipo-germânica Juichi Wakisaka/Andre Lotterer (Toyota Lexus SC430), com 22 pontos.

Mesmo tendo andado na sexta posição, e recebido a bandeirada de chegada em sétimo em sua estréia com carros bipostos, João Paulo ocupa só a décima posição no campeonato por causa dos critérios de pontuação. “Em Suzuka vimos que temos condições de estar entre os primeiros e agora buscaremos um resultado que nos coloque em uma situação boa no campeonato. É importante marcarmos pontos no início da temporada”, planeja o brasileiro.

Os quinze primeiros recebem pontos quando as provas têm 1.000 kms de extensão, com o vencedor tendo direito a 25 pontos. Quando são corridas mais curtas, só os dez recebem a bonificação, com o primeiro recebendo 20 pontos. Além disso, os três mais rápidos no treino classificatório recebem pontos (4, 3, 2), e os autores das três voltas mais rápidas, também (3, 2, 1).

Nos treinos coletivos que a categoria realizou em Fuji, na semana passada, João Paulo conseguiu melhorar a performance de seu Nissan Fairlady Z em relação a primeira prova do calendário. Ele terminou a prática em sétimo, a apenas 0S736 do Honda NSX dos japoneses Ryo Michigami/Takashi Kogure.

No entanto, na pré-temporada o brasileiro testou no Okayama International Circuit e foi o mais rápido, o que mostra que o seu time tem um bom set up para os 3,70 km da pista. “Fui o mais rápido por lá e isso me deixou entusiasmado, porém, os Hondas estiveram muito próximos. Acredito que teremos uma briga muito próxima com os Hondas e com os outros Nissans. Nesse circuito é bastante importante largar a frente, pois não existe muita chance de ultrapassagem. Por isso, buscaremos o melhor acerto para o superpole a fim de largar o mais na frente possível”, explica João Paulo.

A tabela de pontuação do Campeonato Japonês de Super GT500 está assim:
1 – 36 Juichi Wakisaka / Andre Lotterer (Toyota Lexus SC430), 22 pontos;
2 – 8 Daisuke Ito / Ralph Firman (Honda NSX), 16;
3 – 23 Satoshi Motoyama / Tsugio Matsuda (Nissan Fairlady Z), 15
4 – 18 Ryo Michigami / Takashi Kogure (Honda NSX), 11;
5 – 1 Yuji Tachikawa / Toranosuke Takagi (Toyota Lexus SC430), 6;
6 – 6 Akira Iida / Tatsuya Kataoka (Toyota Lexus SC430), 5;
7 – 100 Sebastien Philippe / Shinya Hosokawa (Honda NSX), 4;
8 – 12 Benoit Treluyer / Kazuki Hoshino (Nissan Fairlady Z), 3;
9 – 25 Manabu Orido / Takeshi Tsuchiya (Toyota Supra), 3;
10 – 3 João Paulo de Oliveira / Naoki Yokomizo (Nissan Fairlady Z), 2;
11 – 22 Michael Krumm / Sakon Yamamoto (Nissan Fairlady Z), 2;
12 – 24 Erik Comas / Masataka Yanagida (Nissan Fairlady Z), 1 ponto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *