Outras: Líderes descartam favoritismo para segunda etapa no Regional de Marcas

Se a expectativa manifestada pelos líderes das duas categorias estiver correta, o equilíbrio será a tônica da segunda etapa do Campeonato Regional de Marcas & Pilotos. Os irmãos Adriano e Daniel Reisdorfer, vencedores da primeira etapa pelo grupo A, e Guilherme de Conto, que ganhou a prova de 9 de abril pelo grupo N, descartam qualquer dose de favoritismo para a corrida deste domingo (7) no Autódromo Internacional de Cascavel.

Adriano, campeão em 2005, admite que será difícil manter nesta corrida a mesma vantagem da primeira etapa, em que ele e o irmão foram vencedores das duas baterias. “Os outros pilotos têm conseguido tempos muito bons nos últimos treinos, tenho certeza de que vai ser uma bela disputa para o público”, aposta o piloto, que tem o Gol número 34 da Stumpf Preparações as cores e logomarcas de Personna, Sanifill, Chico Guinchos, Zortéa e Virtuoso Pneus.

Ele não esconde uma dose maior de preocupação para esta etapa. “Nós tivemos alguns problemas com o carro, coisa que não acontecia há muito tempo, e isso nos impediu de desenvolvê-lo tanto quanto gostaríamos para a segunda etapa”, explica. “Em condições normais, eu diria que estamos entre os candidatos a ganhar, mas pelo que vimos nos treinos há pelo menos outros dois ou três carros muito competitivos”, aponta, sem citar nomes.

No grupo N, o estreante De Conto busca sua segunda vitória consecutiva depois de mais uma experiência inédita em sua carreira. No último sábado (29), ele estreou no Campeonato Brasileiro de Stock Jr., em Curitiba, pela equipe de Tony Kanaan – o convite para a participação foi feito pelo piloto da Fórmula Indy. Largando em sexto na terceira etapa, ele concluiu a corrida na mesma posição. “A experiência foi excepcional”, definiu o piloto de 16 anos.

Na segunda etapa do Regional, Guilherme poderá participar de todos os treinos – na corrida do mês passado, só esteve na pista a partir do warm up. “Com uma carga de treinos igual à dos outros, o proveito é bem melhor, mas favoritismo não existe para ninguém. Há pelo menos uns 10 pilotos que podem ganhar essa corrida”, pondera o líder do campeonato, que tem no Chevette número 27 da De Conto Motorsport as logomarcas de Kart & Cia e De Conto Embalagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *