Pick-Up: Navarrinho conquista mais um pódio e assume a terceira posição no campeonato

Piloto da equipe Qualicorp-Gramacho Racing liderou praticamente toda a prova deste domingo, em Interlagos. Vitória escapou no erro de um adversário.

Segundo lugar na etapa de São Paulo, segundo pódio consecutivo e terceira posição no campeonato. Apesar da vitória na terceira etapa da Pick-up Racing ter escapado do piloto paulista Rodrigo Navarro (Grupo Qualicorp), o saldo da corrida deste domingo, em Interlagos, foi positivo para o piloto paulista – que neste ano disputa sua primeira temporada completa na categoria.

Vivendo seu melhor fim de semana na competição, Navarrinho foi o segundo mais rápido nos dois treinos livres da rodada, marcou a pole position e liderou 19 das 21 voltas da corrida deste domingo. Candidato absoluto ao lugar mais alto do pódio, ele só perdeu a vitória a dois minutos da bandeira quadriculada, em razão do erro de um adversário.

“A etapa de Santa Cruz do Sul já tinha sido boa para nossa equipe, mas este foi de fato meu melhor final de semana na temporada”, comentou Navarrinho, referindo-se à prova passada, no Rio Grande do Sul, quando conquistou a terceira posição. “Desde o primeiro treino meu carro esteve ótimo e nossa equipe está realmente em uma fase fantástica. Os três carros andaram muito próximos durante o fim de semana, e pude fazer um trabalho legal”, comentou o piloto.

Navarrinho largou na pole position neste domingo, logo à frente de seu companheiro de equipe, Thiago Riberi. Os dois conseguiram abrir certa vantagem na parte inicial da prova, e Rodrigo se manteve em primeiro mesmo depois da ultrapassagem de Julio Campos sobre seu companheiro na Gramacho Racing. Com um ritmo consistente, ele caminhava para uma vitória que parecia certa – até o acidente entre Rafael Isehard e Marcos Ramalho mudar o panorama da corrida.

“Meu ritmo era muito bom e eu não perderia a posição para o Julio se não tivéssemos sido reagrupados pelo safety car”, comentou Navarrinho. “Mas, infelizmente para mim e felizmente para ele, a entrada do carro de segurança reagrupou o pelotão. Na relargada, ele se precipitou um pouco e quis fazer a ultrapassagem pelo lado de fora do Esse do Senna. Em uma situação como essa, é difícil evitar o acidente e acabamos nos tocando. Para mim isso foi ruim, já que caí para a segunda posição, e para ele foi pior ainda, já que ele fechou a prova em 15º e, por pouco, não perdeu a primeira posição no campeonato”, acrescentou.

Com os 20 pontos obtidos pelo segundo lugar, Navarrinho subiu da quinta para a terceira posição na tabela de classificação, e se mantém entre os candidatos ao título de campeão. E foi justamente a possibilidade de brigar pelo título que o fez ter cautela na volta final, quando conseguiu se aproximar do líder logo após o acidente com Campos.

“Perdi tempo na batida com o Julio, mas no final consegui me aproximar do Thiago. Só que tentar a ultrapassagem naquele momento, a menos de uma volta para o final, seria muito arriscado. E pensei no campeonato. Estou feliz por a vitória ter ficado dentro da equipe, e este era o objetivo de todos no fim de semana. Estamos focados em buscar o campeonato, e todos os pontos serão importantes nesse caminho”, encerrou Navarrinho.

A próxima etapa da Pick-up Racing será disputada no dia 20 de setembro, no Rio de Janeiro. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *