Porsche Cup distribuirá quase R$ 800 mil em bolsas para jovens pilotos

A Porsche Carrera Cup distribuirá R$ 780 mil em bolsas para jovens pilotos que sonham em, um dia, brilhar no automobilismo mundial. Com competidores entre 16 e 24 anos, o “Junior Program” já é o maior programa para formação de pilotos já realizado no Brasil.

O processo seletivo já começou. Quem tiver a idade adequada pode fazer a inscrição no site www.juniorprogram.com.br e cadastrar o currículo. Todos serão analisados por uma banca especializada, que usará como critério o que diz o programa global de desenvolvimento de talentos da Porsche, lançado em 1997.

Após a análise, 12 pilotos serão selecionados. Os nomes serão divulgados até a metade de fevereiro e, em seguida, os escolhidos passarão por um período de atividades que culminarão nos testes finais, marcados entre os dias 19 e 22 de fevereiro. As atividades de pista serão realizadas em um circuito homologado pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

Após uma série de atividades que incluem treinamentos físicos e psicológicos, monitoramento sobre pilotagem, trabalho diretamente com os mecânicos para acerto do carro, análise de gráficos técnicos com os engenheiros e até dicas de como se comportar durante um evento ou uma entrevista, três candidatos serão escolhidos e declarados vencedores.

Cada um receberá uma bolsa para disputar as seis etapas da temporada da categoria Sprint, que começa em 24 de março e termina no fim de semana do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, em novembro. O primeiro colocado terá 70% dos custos pagos pelo programa. O segundo contará com 40%, e o terceiro com 30%. Os três ainda poderão participar do Junior Programme Mundial da Porsche.

“Como organizadores de competições, uma das nossas funções é propiciar aos jovens pilotos condições para mostrar e lapidar seu talento. Nossa ideia é poder dar uma chance aos jovens no início de suas carreiras no automobilismo, com essa possibilidade de ingressarem em um campeonato já reconhecido dentro do país e no mundo. O fortalecimento do automobilismo nacional passa pela formação de novos pilotos, e nossa plataforma pode impulsionar o talento brasileiro no exterior, inclusive com a chance de terem um vínculo com a Porsche como pilotos de fábrica”, explicou Dener Pires, diretor geral da Porsche Império GT3 Cup.

Entre os pilotos reconhecidos internacionalmente que passaram pelo programa global de formação da montadora alemã estão o neozelandês Earl Bamber (bicampeão das 24 Horas de Le Mans e campeão do World Endurance Championship) e o alemão Timo Bernhard (bicampeão das 24 Horas de Le Mans e bicampeão do World Endurance Championship).

Fonte: Máquina do Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *