R1 GP1000: Fim de semana em Interlagos é de Wesley Gutierrez na R1 GP1000

R1 GP1000: Fim de semana em Interlagos é de Wesley Gutierrez na R1 GP1000

Foi com o mesmo jeito tranquilo de ser, que Wesley Gutierrez #47 conquistou sua primeira vitória da temporada de ponta a ponta, nesse domingo (19) em Interlagos, válido pela 4ª etapa do campeonato da R1 GP1000.

O paranaense que vinha em 7º no campeonato, com a desvantagem de não ter participado da etapa de abertura em sua “casa”, em Londrina (PR), finalmente conquistou a confiança que precisava para tornar a etapa de São Paulo sua melhor na temporada. Mais rápido nos últimos treinos livres e pole do final de semana com 1:42.542s., era previsível que ele não deixaria a desejar no traçado. “Estou muito contente com o resultado. Achei que seria uma corrida mais disputada, mas consegui me manter na liderança durante toda a prova. Me preparei bem para isso e agradeço a toda a equipe. Agora é continuar treinando para manter o mesmo ritmo nas duas últimas etapas”, comemorou Gutierrez, que com a soma dos 25 pontos que ganhou sobe para a 3ª posição no geral.

Embora quatro pilotos não tenham conseguido terminar a prova, a etapa do circuito de Interlago foi uma das mais “tranquilas” até o momento da competição. Na largada, Wesley firmou a posição de líder ditando o ritmo até o fim, seguido de Diego Pretel #88, João Simon #222 e Marco Brunheroto #777.

Os novatos do grid Rodrigo Benedictis #97 e Alex Quadros #4 foram os primeiros a sair da pista. Benedictis sofreu uma queda saindo da curva do S ainda na primeira volta, provocada por um toque de Otávio Lucchini, e Quadros teve problemas mecânicos na estreia. Quem também abandou a corrida por conta de problemas com a motocicleta foi Guga Folheto #28 e João Simon, que vinha na 3ª posição quando caiu e também não pode prosseguir.

Com a saída de Simon, Brunheroto assumiu seu lugar na 3ª posição. Líder do campeonato, Pretel não buscou a vitória na corrida, mas administrou bem o 2º lugar e continua o ponteiro do ranking geral com 94 pontos, 16 de diferença de Brunheroto. “Corri mais com a cabeça. O 2º lugar está uma boa posição, ainda assim saio daqui com a liderança de 16 pontos de diferença. Quero muito o título da R1 GP1000 e vou continuar trabalhando para isso”, comentou Pretel.

Subiram no pódio da 4ª etapa do campeonato o paranaense Wesley Gutierrez no lugar mais alto, Diego Pretel em 2º e Marco Brunheroto na 3ª posição. Brunheroto, que não conquistou a vitória que queria em São Paulo, comentou sobre a colocação. “Queria muito a vitória, mas vi o Simon cair e preferi ir com mais cautela. O asfalto estava muito quente e tivemos também um gasto maior dos pneus. Mas estou satisfeito e continuo como vice. Agora é se preparar para a próxima”, finalizou o piloto.

O campeonato da R1 GP1000 sai da Capital paulista para Brasília, no Distrito Federal, para a penúltima etapa nos dias 08 e 09 de setembro.

Confira o resultado completo da 4ª etapa da R1 GP1000:
1º Wesley Gutierrez, 24:10.228s
2º Diego Pretel, 24:22.561s
3º Marco Brunheroto, 24:29.099s
4º Otávio Lucchini, 24:35.474s
5º Edson Morales, 24:44.472s
6º Cristiano Vieira, 24:46.145s
7º Juracy Black, 25:03.183s
8º Vinícius Maia, 25:11.553s
9º Adilson Cajuru, 25:21.159s
10º Ricardo Levy, 25:21.313s

Não completaram a prova:
João Simon, 8:43.483s
Alex de Quadros, 3:47.568s
Guga Folheto, 0.613s
Rodrigo Benedictis

Confira como ficou a classificação do campeonato da R1 GP1000:
1º Diego Pretel 94 pts.
2º Marco Brunheroto 78 pts.
3º Wesley Bertoni 63 pts.
4º Adilson Cajuru 54 pts.
5º Cristiano Vieira 53 pts.
6º Otávio Lucchini 53 pts.
7º Juracy Black 53 pts.
8º Vinícius Maia 53 pts.
9º Guga Folheto 52 pts.
10º Ricardo Levy 40 pts.
11º Edson Morales 39 pts.
12º Romes Cesar 38 pts.
13º João Simon 25 pts.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *