Rali-Dakar: Volkswagen volta a vencer no Dakar mas Mitsubishi segue na liderança do geral

Depois de um jejum de quatro etapas sem vencer, finalmente a Volkswagen consegue colocar um carro na primeira colocação de uma etapa do Dakar, com Carlos Sainz e Michel Perin. Para apagar os dias maus, Carlos Sousa também fez uma boa prova e terminou em segundo, dobradinha da Volks no Mali.

Mas a Mitsubishi continua dominando. O francês Luc Alphand foi o terceiro, quase cinco minutos depois de Sainz. A outra Mitsubishi, de Nani Roma, chegou em quinto. A BMW de Nasser Al Attiyah ficou no meio dos dois, em quarto. O líder da geral, Stephane Peterhansel, fez só o sexto tempo.

Mas na classificação geral, a Mitsubishi continua na frente… e bem na frente da Volkswagen. A dobradinha permanece a mesma: Peterhansel é o primeiro e Alphand o segundo. A primeira Volkswagen só aparece na quinta colocação, com Miller, a mais de duas horas de Peterhansel. O surpreendente Jean Louis Schlesser, a bordo do seu bugue 4×2, segue firme na terceira colocação do geral. A BMW de Al Attiyah está em quarto, 20 minutos atrás de Schlesser. Feliz estão os franceses, com três de seus pilotos ocupando os três lugares mais altos do pódio.

Estratégia – Stephane Peterhansel e Luc Alphand agora tem seis minutos de diferença um para o outro. Na última etapa, a diferença era de mais de nove minutos. Na especial de hoje, a diferença entre os dois foi de quatro minutos.

A estratégia da montadora é que os dois continuem perto. Se acontecer alguma coisa ao carro de Peterhansel durante a especial, Alphand vai estar próximo para ajudar o companheiro. Afinal, a dupla tem 1h30 de vantagem sobre o terceiro colocado.

Fonte: Webventure

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *