Rally: Codipar Racing não participará da sétima etapa do Paulista Cross Count

Willem e Doris van Hees após grave acidente no Rally dos Sertões estarão fora da disputa.

 


A dupla Willem e Doris van Hees são casados e estenderam essa parceria para além dos domínios de sua casa. Piloto e navegadora que integraram a equipe Codipar Racing não estarão presentes na sétima etapa do Campeonato Paulista Cross Country, que será realizado nos dias 14 e 15 de setembro, pois o carro Troller não ficou pronto depois do acidente no primeiro dia da competição.


Willem van Hees lamenta ficar fora da disputa em Taubaté. “Realmente é duro, mas temos que estar com o carro em ordem e muito ainda tem que ser feito para que o desempenho seja eficiente. Pretendemos voltar a competir em novembro, e tudo vai depender do desenvolvimento do carro”, ressalta o piloto.


A paixão pelo rali e enorme e a pretendem continuar nos campeonatos que vem disputando ao longo do ano. “Queremos continuar no Paulista, gostamos da organização da competição. Este ano, angariamos bastante experiência. Participamos pela primeira vez do Piocerá e do Brasileiro de Rally Cross Country e, ainda, do RallySP, da Copa Troller, além do nosso terceiro Rally dos Sertões”, finalizou a navegadora.


O ACIDENTE


A dupla sofreu acidente com capotamento, rolando 30 metros barranco abaixo, no primeiro dia de especiais, entre Minaçu (GO) e Palmas (TO). Doris teve uma contusão no joelho, mesmo assim estaria liberada para continuar na disputa se fosse o caso.


A equipe trabalhou incessantemente para arrumar o carro que teve toda a carenagem dianteira destruída, quebra de parte da suspensão traseira e problemas na turbina. Todo o reparo necessário foi solucionado dois dias depois. Mas como, de acordo com o regulamento, é permitido ficar apenas um dos dias fora da competição (forfete), Willem e Doris foram automaticamente desclassificados.


“Trabalhamos o ano todo para o Rally dos Sertões e nossa vontade de voltar para a competição era enorme após o acidente. Foi uma pena, mas o regulamento não permitiu. Agora é nos preparar e esperar para o próximo ano, assim vamos continuar utilizando as provas do Paulista como treino”, finalizou Willem.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *