Rally Dakar 2022 – 12ª e última etapa: Campeões nas motos e quadriciclos

Nesta sexta-feira, dia 14/01, foi disputada a 12ª e última etapa, 676 km entre Bisha e Jeddah, com 163 km cronometrados.
O britânico Sam Sunderland (GasGas) foi o vencedor nas motos.
Nos quadriciclos a vitória foi do francês Alexandre Giroud (Yamaha).
Resultados das outras categorias no próximo post.
Motos
Aos 32 anos o britânico Sam Sunderland (GasGas) conquistou o bicampeonato. Ele já havia vencido em 2017 e foi 3º colocado em 2021. É a primeira vitória da GasGas, marca que pertence a fabricante austríaca KTM, que tinha o objetivo de recuperar a hegemonia de 18 vitórias seguidas perdida para a Honda, vencedora em 2020 e 2021.
O chileno Pablo Quintanilla (Honda), o mais rápido nesta etapa, foi o vice-campeão e o austríaco Matthias Walkner (KTM), campeão do Dakar em 2018 e atual campeão mundial da categoria, é o 3º colocado.
O francês Adrien Van Beveren (Yamaha) ficou com a 4ª colocação e o espanhol Joan Barreda (Honda) é o 5º colocado da 44ª edição do Dakar.
Quadriciclos
Em sua sexta tentativa o francês Alexandre Giroud (Yamaha) conquistou o título. Ele havia chegado perto do pódio com a 4ª colocação em 2019. Giroud é o primeiro francês vencedor desta categoria, 25 anos depois que seu pai, Daniel, o primeiro piloto de quadriciclo a terminar o Dakar.
O argentino Francisco Moreno (Yamaha), o mais rápido nesta etapa, foi o vice-campeão e polonês Kamil Wisniewski (Yamaha) completou o pódio.
Em sua 4ª participação o brasileiro Marcelo Medeiros (Yamaha) concluiu a prova na 6ª colocação.
Foto divulgação: Florent Gooden / Frédéric Le Floch / Flavien Duhamel / Marcelo Maragni / DPPI / ASO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *