Rally dos Sertões: Nona etapa tem hegemonia polonesa nas motos e quadriciclos

Nos tempos acumulados, porém, resultados desta quinta-feira (19) consolidam as lideranças de Coma e Sonik

Depois de dez dias de prova, os competidores do Rally Internacional dos Sertões concluem nesta sexta-feira (20), em Fortaleza (CE), o percurso de 4.486 quilômetros. Nesta quinta-feira (19), os pilotos de motos e quadriciclos encararam o desafio da nona etapa – considerada a mais difícil de todo o trajeto – e nas duas categorias os competidores da Polônia levaram a melhor, com as vitórias de Kuba Przygonski e Rafael Sonik, respectivamente.

Os competidores cruzaram o trecho entre Teresina (PI) e Sobral (CE), com um percurso de 452 km, dos quais 245 km foram cronometrados. De acordo com os pilotos de moto, a experiência com navegação fez a diferença no resultado final. “Prestei bastante atenção na planilha para não me perder e acelerei me preocupando com o David Casteu (da França), que estava próximo na classificação do acumulado. Foi um dia de navegação difícil, com areia e trial. Estou muito feliz por ter vencido a especial”, afirmou Kuba Przygonski, que conquistou a vitória pela primeira vez na 18ª edição do Rally dos Sertões, com o tempo de 03h43min11s1. Com o resultado, o polonês permanece na terceira colocação no acumulado de tempos, com 25h16min54s3.

O espanhol Marc Coma chegou em segundo na especial desta quinta-feira, com o tempo de 03h47min22s2. “Gostei muito do dia de hoje. Particularmente, gosto de especiais difíceis assim e me diverti. Gostaria que todas as etapas fossem como esta, que exigiu muita navegação e foi um dia duro. Amanhã é mais um dia e vou procurar não fazer nada diferente do que fiz até agora na prova”, afirmou.

Para vencer o Sertões, basta ao espanhol administrar a vantagem de 22min20s2. Coma lidera o acumulado com 24h32min46s2, contra 24h55min06s4 do brasileiro Felipe Zanol, o atual segundo colocado.

Nos quadris, polonês abre larga vantagem
Rafal Sonik, primeiro colocado nos quadriciclos, tem uma vida ainda mais confortável. Sua vantagem para Francinei Costa, o segundo colocado na categoria, é de 02h10min54s4. Nesta quinta-feira, o polonês venceu, com o tempo de 04h11min47s5, contra 04h29min33s8 de Francinei Costa, que completou o dia em segundo.

De acordo com o líder, sua estratégia para hoje foi não arriscar. “Foi uma especial muito difícil, que exigiu bastante navegação. Me concentrei na planilha porque não me permitiria cometer erros agora, na nona etapa. Também procurei não arriscar em nenhum momento. Durante a especial, também me diverti e acho até que perdi alguns segundos por isso. Mas vale a pena, pois estou gostando muito da prova”, afirmou.

Francinei Costa, a etapa de hoje foi especialmente difícil na metade final. “Foi um dia realmente muito difícil, de trial do começo ao fim da especial. O trecho cronometrado foi ainda mais complicado da metade para o final, exigindo bastante técnica, mas foi muito legal. Falta só mais um dia e a sensação é quase de dever cumprido.”, disse.

Informações do Posto Médico:
Nesta quinta-feira (19), a equipe médica do Rally Internacional dos Sertões voltou a entrar em ação, mas nenhum dos competidores atendidos foi vetado para a sequência da prova.

10º dia (20/08, sexta-feira) – Sobral (CE) – Fortaleza (CE)
Deslocamento Inicial: 43 km
Total da Especial: 107 km

Deslocamento Final: 240 km
Total: 390 km

Confira o resultado extra-oficial da especial Teresina (PI) – Sobral (CE) nas motos:
1º – Kuba Przygonski (POL) – KTM 690 – 03h43min11s1
2º – Marc Coma (ESP) – KTM 690 – 03h47min22s2
3º – Dário Souza (BRA) – Honda 450 – 03h48min06s0
4º – David Casteu (FRA) – Sherco Rally 450 – 03h48min51s6
5º – Felipe Zanol (BRA) – Honda 450 – 03h54min41s7
6º – Jacek Czachor (POL) – KTM 690 – 03h55min51s7
7º – Guto Klaumann (BRA) – Yamaha 450 – 03h56min26s0
8º – Norton Lopes (BRA) – Honda 450 – 04h01min38s0
9º – Felipe Prohens (CHI) – Honda 450 – 04h02min39s1
10º – Thiago Fantozzi – KTM 450 – 04h02min55s0

Veja os dez primeiros no acumulado geral das motos (extra oficial):
1º – Marc Coma (ESP) – KTM 690 – 24h32min46s2
2º – Felipe Zanol (BRA) – Honda 450 – 24h55min06s4
3º – Kuba Przygonski (POL) – KTM 690 – 25h16min54s3
4º – David Casteu (FRA) – Sherco Rally 450 – 25h24min20s5
5º – Dário Souza (BRA) – Honda 450 – 25h32min36s2
6º – Jacek Czachor (POL) – KTM 690 – 26h21min24s4
7º – Guto Klaumann (BRA) – Yamaha 450 – 26h38min49s3
8º – Ramon Sacilotti (BRA) – Yamaha 450 – 27h12min14s6
9º – Ramon Volkart (BRA) – BMW 450 – 27h32min16s2
10º – Norton Lopes (BRA) – Honda 450 – 27h56min18s1

Confira o resultado extra-oficial da especial Teresina (PI) – Sobral (CE) nos quadris:
1º – Rafal Sonik (POL) – Yamaha 900 – 04h11min47s5
2º – Francinei Costa (BRA) – Yamaha 700 – 04h29min33s8
3º – Sérgio Klaumann (BRA) – Honda 700 – 04h42min20s1
4º – Rodrigo Varela (BRA) – Suzuki 450 – 04h51min03s3
5º – André Suguita (BRA) – KTM 525 – 04h54min42s5
6º – Tom Rosa (BRA) – Yamaha 450 – 04h56min49s6
7º – Andrews Costa (BRA) – Yamaha 700 – 05h03min22s8
8º – Carlo Collet (BRA) – BRP 800 – 05h06min09s5
9º – Rodolfo Brito – Yamaha 700 – 05h11min57s4
10º – Mauro Sierra (URU) – Yamaha 700 – 05h20min50s6

Veja os dez primeiros no acumulado geral dos quadris (extra oficial):
1º – Rafal Sonik – Yamaha 900 – 28h52min16s7
2º – Francinei Costa – Yamaha 700 – 31h03min11s1
3º – Sergio Klaumann – Honda 700 – 31h18min18s9
4º – André Suguita (BRA) – KTM 525 – 33h02min40s5
5º – Carlo Collet (BRA) – BRP 800 – 33min25min18s7
6º – Rodolfo Brito – Yamaha 700 – 33h48min07s5
7º – Marcelo Medeiros (BRA) – Yamaha 450 – 36h02min32s0
8º – Rodrigo Varela (BRA) – Suzuki 450 – 38h07min51s0
9º – Tom Rosa (BRA) – Yamaha 450 – 39h10min37s7
10º – Andrews Costa (BRA) – Yamaha 700 – 48h54min48s7 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *