Rally dos Sertões: Riamburgo Ximenes e Flávio Marinho largam em 12º no primeiro dia de prova

O objetivo da dupla foi cumprido, largar entre os 20 primeiros carros.

O prólogo de ontem – tomada de tempo que define a ordem de largada – deu uma pequena demonstração de como vai ser a competitividade do rali deste ano.

O melhor tempo do dia foi um empate, duas duplas, Kolberg/Bampi e Bibas/Cavassim fecharam um circuito de 2.370 metros em 3min e 38 seg. Kleber Kolberg levou a melhor e largará em primeiro, o critério de desempate de acordo com do regulamento do rali foi o ranking de 2005 da prova.

Para o cearense Riamburgo Ximenes, a melhor estratégia para começar um Rally dos Sertões não é ser o carro um, mas largar bem posicionado entre os vinte primeiros veículos.

“Fizemos um prólogo muito bom. Nosso objetivo de largar entre os 20 primeiros foi cumprido. A prática de anos de Sertões nos lembra que prólogo não define rali. O importante é andar bem sem correr riscos desnecessários. O rali começa hoje, aí será outra estória.” Declarou Riamburgo ao chegar aos boxes após o prólogo.

Definida a ordem de largada para o Rally Internacional dos Sertões, as equipes preparam-se para um dia de ritmo intenso. O deslocamento inicial será longo, com 353km para chegar a primeira especial do dia que terá 105 km, depois todos seguem para a segunda especial com 118km, ao todo serão 646km entre Goiânia e Minaçu, dentro do estado de Goiás.

Segundo a organização, para esta primeira etapa da prova, a primeira especial promete trechos difíceis com estradinhas travadas, mata burros, pontes e erosões. Também está prevista uma subida de serra com trial e muitas pedras, seguindo para um trecho de descida de serra de maior velocidade com muitas curvas, lombadas e erosões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *