Rally: Equipe Terra encara o desafio do Rally dos Sertões 2006

Quatro pilotos de moto fazem parte da nova Equipe Terra, formada para disputar a principal competição de rally em território nacional, válida também como etapa do Campeonato Mundial de Cross Country.

Fora das pistas, todos são executivos bem-sucedidos em seus ramos de atividade. Em cima de suas motos de competição, Sylvio Barros, Carlos Ambrósio, Laerte Mazza Filho e José Vicente Marino são os pilotos da nova Equipe Terra, que participará do Rally Internacional dos Sertões 2006, competição que tem início no dia 24 de julho, em Goiânia (GO), e se encerra no dia 5 de agosto, em Porto Seguro (BA).

Sylvio Barros participou de oito edições do Rally dos Sertões e obteve a melhor colocação em 1995, quando foi campeão na categoria Production 450. O piloto traz também no currículo duas participações do Rally Por las Pampas Patagônia-Atacama, onde foi o melhor brasileiro na classificação geral em 2004, concluindo a prova na 8ª colocação.

“A Equipe Terra contará com os melhores recursos disponíveis como motos novas, carros de apoio, além de equipamentos e peças de reposição de última geração e pessoal de apoio qualificado”, diz Sylvio Barros. “Nosso objetivo inicial é concluir a prova entre os 10 primeiros colocados na classificação geral”.

Credenciado com o bicampeonato no Rally Por las Pampas Patagônia-Atacama, conquistado em 2004, na categoria Production 450, e em 2006, na Super Production 450, o piloto Carlos Ambrósio participa pela sétima vez do Rally dos Sertões.

“A edição deste ano do Rally dos Sertões exigirá muita atenção por parte dos pilotos nos quatro primeiros dias, que terão especiais mais longas e trechos onde a navegação será determinante”, explica Carlos Ambrósio. “A partir do quinto dia de prova, as especiais são menores e o ritmo de velocidade certamente será mais elevado”, conclui Ambrósio.

“O patrocínio viabiliza a montagem de uma equipe competitiva e dedicada a se desenvolver em provas de rally”, afirma o piloto José Vicente Marino. Em sua segunda participação no Rally dos Sertões, Zé Vicente, como é mais conhecido no cenário do rally, terá a missão de oferecer apoio técnico aos outros três componentes da Equipe Terra em caso de eventuais quebras ou problemas mecânicos. Há pouco mais de quatro anos nas competições off road, o piloto já conquistou o seu primeiro título na carreira, vencendo, em 2004, o Rally de Regularidade BMW, em Campos do Jordão (SP).

A opinião de Zé Vicente é reforçada por Laerte Mazza Filho, o mais novo integrante da Equipe Terra: “Nosso time está entre os mais bem estruturados da competição e a entrada do Terra como patrocinador principal aumenta a nossa responsabilidade em termos de resultados, além do compromisso de transmitirmos uma imagem positiva e profissional”, diz Laerte Mazza Filho.

Tetracampeão Carioca de Enduro Master, Laerte pilota motos desde os 12 anos de idade. Os bons resultados nas pistas do Rio de Janeiro levaram o piloto a fazer parte, em 1994, da primeira equipe brasileira a competir na ISDE (International Six Days Enduro), prova equivalente a uma Copa do Mundo de rally. Participou do Rally Internacional dos Sertões nos anos de 1993, 1998 e 2003.

“Cada vez mais, estamos nos envolvendo de forma mais próxima com as competições de rally, que representam um segmento muito importante no automobilismo nacional e mundial”, explica Geraldo Rodrigues, diretor da Reunion Sports & Marketing, empresa idealizadora do projeto que resultou na formação da nova equipe. “Essa será a nossa primeira experiência com uma equipe de motos no Rally dos Sertões e faremos o possível para garantir a estrutura necessária para a Equipe Terra durante a competição”.

Primeira boa notícia

Antes mesmo do início do Rally dos Sertões, a Equipe Terra já recebeu a primeira boa notícia. Os pilotos Sylvio Barros e Carlos Ambrósio foram selecionados para participar da próxima edição do Rally Lisboa-Dakar, que contará em 2007 com apenas quatro pilotos brasileiros nas motos.

“Essa confirmação de que vamos disputar o Rally Dakar no ano que vem chega em um bom momento e nos incentiva ainda mais para buscar resultados positivos no Rally dos Sertões”, comemora Sylvio Barros, que, assim como o companheiro de equipe Carlos Ambrósio, participará pela primeira vez da mais tradicional competição de rally em âmbito mundial.

A estréia no Dakar serve também como um prêmio para os dois pilotos, que competiram juntos pela primeira vez há uma década, quando participaram da edição daquele ano do Rally dos Sertões. Apoiados pelo mesmo time de mecânicos que os acompanham até hoje, a equipe passou a se chamar Podium Racing em 2003 e a partir deste ano compete como Equipe Terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *