Rally: Palmeirinha tem cinco pneus furados e dá adeus a chance de vitória

Equipe de apoio do brasileiro sofre acidente e Paulo Nobre/Filipe Palmeiro ultrapassam o tempo limite para chegar ao parque de assistência.

Um dia para esquecer! Assim foi este domingo (27/04) para o brasileiro Paulo Nobre, o Palmeirinha (Itaú Private Bank) no Rally da Tunísia, prova que abre o Campeonato Mundial de Rali Cross Country da FIA. A 3ª etapa da competição teve a realização de uma especial de 359 km entre as cidades de Nalut a Al Qaryat, na Líbia. Correndo ao lado do navegador portugês Filipe Palmeiro, Nobre teve cinco pneus furados em sua BMW X3, terminando a especial na 38ª posição e caindo para o 22º lugar na classificação geral da prova.

As chances de um bom resultado para a dupla luso-brasileira são praticamente nulas a partir de agora, principalmente se for confirmada uma punição em virtude de Nobre e Palmeiro terem chegado ao parque de assistência acima do tempo limite estabelecido pela organização. Isso ocorreu por conta da ausência do carro de apoio que faria reparos na BMW X3 da dupla, ao final do trecho cronometrado, em razão de um acidente.

“Foram mais de 350 km de pista muito rápida. Bastante pedra , mas pequenas em sua maioria. Terreno que podia ser traiçoeiro, com depressões não planilhadas. Muitos, mas muitos pilotos tiveram problemas com pneus, que estão com desgaste excessivo. A camada interna está ficando no arame, além da pressão que está subindo muito. Nós vinhamos fazendo mais um dia conservador, andando rápido mas sem tomar riscos, só vendo a galera parando para trocar os pneus furados. Até chegar a vez dos nossos começarem a furar. O terceiro estepe furou a 60 km do final e a partir daí viemos passeando, já que não havíamos identificado os motivos dos furos e não pegamos nenhuma pedra ou buraco durante a especial. Então não podíamos correr o risco de furar mais um. Achei que os problemas tinham acabado para nós, mas a 900 metros do final pegamos um buraco com pedra e arrebentamos dois pneus com roda e tudo. Nos arrastamos para completar a especial, mas o nosso apoio não estava lá para trocar os pneus furados pois tinham capotado no caminho. E sem os pneus não conseguimos chegar ao parque de assistência a tempo. “Forfetamos” a etapa de hoje e demos adeus a qualquer chance no rali”, falou Palmeirinha.

Nobre/Palmeiro segue na competição apenas para “cumprir tabela”, como descreveu o próprio Nobre, na prova que pode marcar a despedida do piloto brasileiro da equipe oficial da BMW na modalidade, a New Dimension X-Raid. Nesta segunda-feira (28/04) o Rally da Tunísia segue na Líbia. Os competidores partem da cidade de Al Qaryat com destino a Idri, num total de 623 km a serem percorridos, com 429 deles sendo cronometrados.

O resultado desta 3ª etapa do Rally da Tunísia:

1º Krysztof Holowczyc/Jean Marc Fortin (Nissan), 3h15min29s
2º Christian Lavieille/ François Borsotto (Dessoude), a 9min49s
3º Bernard Errandonea/Jean Pierre Garcin (SMG), a 14min00s
4º Orlando Terranova/Lee Palmer (BMW), a 15min03s
5º Leonid Novitskiy/Oleg Tyupenkin (Mitsubishi), a 16min05s
6º Eric Vigouroux/Alexandre Winocq (Chevrolet), a 18min26s
7º Dominique Houssieaux/Jean Michel Polato (Schlesser), a 24min24s
8º Rodrigo Amaral/Duarte Amaral (Bowler), a 25min38s
9º Jose Hernandez Panos/Xavier Blanco (Mitsubishi), a 30min00s
10º Fernando Hernandez Panos/Albert Blanco (Mitsubishi), 31min07s
38º Paulo Nobre/Filipe Palmeiro (BMW), a 1h21min27s

A classificação da prova após três etapas realizadas:

1º Krysztof Holowczyc/Jean Marc Fortin (Nissan), 7h05min29s
2º Christian Lavieille/ François Borsotto (Dessoude), a 34s
3º Eric Vigouroux/Alexandre Winocq (Chevrolet), a 9min40s
4º Orlando Terranova/Lee Palmer (BMW), a 15min03s
5º Dominique Houssieaux/Jean Michel Polato (Schlesser), a 18min59s
6º Bernard Errandonea/Jean Pierre Garcin (SMG), a 19min38s
7º Jose Hernandez Panos/Xavier Blanco (Mitsubishi), a 54min11s
8º Jose Luis Monterde/Jean Marie Lurquin (Schlesser), a 54min15s
9º Maurizio Traglio/Marc Bartholome (Nissan), a 54min51s
10º Gerard Benielli/Pascal Larroque (MCM) a 56min22s
22º Paulo Nobre/Filipe Palmeiro (BMW), a 1h23min14s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *