Rally: Reinaldo Varela e Marcos Macedo são os grandes campeões nos Carros

Além do título da Super Production, a dupla ficou com a primeira posição na classificação geral do campeonato. Nos caminhões, ficou dividido entre o piloto Amable Barrasa e o navegador Maykel Justo.

Foram necessárias sete etapas para que fossem conhecidos os campeões da temporada 2008 da Copa RallySP. O último capítulo dessa disputa foi decidido hoje na cidade de Taubaté, durante o Rally dos Bandeirantes. Após as duas especiais do último sábado (27), pilotos e navegadores percorreram os últimos 136 quilômetros que definiram os resultados de cada uma das cinco categorias em disputa: Protótipos, Super Production, Production, Força Livre e Caminhões.

A disputa foi acirrada até o último instante, e por fim, a regularidade apresentada durante todo o ano pela dupla da categoria Super Production, Reinaldo Varela e Marcão Macedo (Mistubishi L200RS) foi recompensada pelo título do campeonato. Os 36,5 pontos conquistados nas sete etapas disputadas garantiram aos dois a primeira posição na classificação geral. O segundo lugar ficou com a Equipe Petrobras Lubrax, com Jean Azevedo / Youssef Haddad, com 34 pontos, além de Cristian Baumgart/ Beco Andreotti (X Rally Team), na terceira posição com 26 pontos.

Varela e Macedo também ficaram com o título da Super Production. “Foram três vitórias no mesmo final de semana, duas na categoria e uma na geral do campeonato. Fomos regulares em todas as etapas, vencemos na temporada seis das sete programadas com o carro Mitsubishi L200RS. O objetivo foi alcançado e tenho que homenagear toda nossa equipe”, Varela.

OS CAMPEÕES EM CADA CATEGORIA

Apesar do segundo lugar, na geral, Jean Azevedo e Youssef Haddad (Mitsubishi L200 Evo) foram os melhores da categoria Protótipos, com 39 pontos, seguidos por Roberto Reijers/ Rogério Almeida (Ford Ranger) com 30,5 pontos e Marcos Moraes/ Edu Sachs (Work MEM), com 28 pontos. Jean Azevedo mostrou-se satisfeito com o seu resultado. “Estou muito contente já que é o meu primeiro ano na categoria Carros. Para um estreante está melhor do que imaginava”, concluiu o piloto.

André Soares/ Daniel Gay (Troller) demonstraram mais regularidade na Production e com 34 pontos garantiram o titulo da categoria. Na Super Production, além dos campeões Varela e Macedo na primeira posição, a segunda colocação ficou dividida, com o piloto Roberto Côrrea com 29 pontos, e o navegador Rômulo Secomandi, com 20,5 pontos.

Com o dobro de vantagem para o segundo colocado, Vitor Fischer/ Daniel Simon foram os melhores da Força Livre, com 50 pontos conquistados durante todo o campeonato, e cinco primeiras colocações. O segundo lugar ficou com Valério Valente e Bruno Pellegrini, com 24 pontos.

Nos caminhões, o título ficou dividido entre o piloto da Equipe Autoliner, Amable Barrasa e o navegador da Equipe Petrobras Lubrax, Maykel Justo. Com a ausência de José Papacena, Barrasa teve a companhia de Du Sachs em seu caminhão, por isso, a divisão na pontuação. No segundo lugar, a posição foi invertida, com o piloto André Azevedo, na segunda posição, e Papacena em segundo. “De uma forma geral o objetivo foi conquistado. E nosso desafio era de conseguir o bicampeonato, o título do RallySP 2008 era desejo de toda a equipe. O empenho de todos os componentes da Autoliner ajudaram nesta conquista. Missão cumprida”, comemorou o bicampeão Amable Barrasa (Ford F-4000).

6º RALLY DOS BANDEIRANTES

Foram percorridos mais 300 quilômetros, em um total de cinco especiais (três no sábado, e duas hoje), dentro da Fazendas N. S. Glória, Gaspar e Conceição. Até o sol apareceu para abrilhantar a última disputa da temporada que teve dobradinha da Equipe X Rally Team nas duas primeiras posições, Cristian Baumgart/ Beco Andreotti, fizeram um total de 04h16m26s5 e foram os grandes vencedores, seguidos por Marcos Baumgart/ André Sawaya com 04h18m52s8. No terceiro lugar, apareceram novamente Reinaldo Varela/Marcão Macedo (Mitsubishi L200RS), com 04h19m28s1.

Na equipe X Rally Team a disputa do Rally dos Bandeirantes ficou entre irmãos. “Nosso planejamento deu certo e os treinos que fizemos antes da prova mostrou que estávamos no acerto ideal dos carros. E, nas duas etapas brincávamos para ver quem conseguiria chegar primeiro. Mas, o conjunto fez a diferença, equipe, carros, pilotos e navegadores. O Rally dos Bandeirantes estava bastante competitivo e venceram os que menos tiveram problemas”, afirmou Cristian (Mitsubishi L200 Evo).
Para Maykel Justo a etapa de hoje foi uma corrida de recuperação, após os problemas enfrentados ontem. “Foi um dia emocionante, pois quase atolamos em uma região de trial. Nesse ponto do percurso o André acelerava e o caminhão não saía do lugar. Mas no final deu tudo certo”, comentou Maykel Justo, campeão da temporada 2008 da Copa RallySP navegador do piloto André Azevedo (Mercedes-Benz/Petrobras Lubrax).

O organizador Deco Muniz ressaltou que a temporada foi extremamente proveitosa. “A nova formatação do calendário em sistema de rodada dupla foi positiva, com custos menores para as equipes e facilita a organização. Por esta razão, a próxima será da mesma maneira, com provas Pirassununga (1ª E 2ª), São Luís da Paraitinga (3ª e 4ª) e Taubaté (5ª, 6ª e 7ª), totalizando sete etapas. O projeto é para atrair o público para o rali, com duas especiais por dia e um super prime. Não definimos ainda datas, pois depende do calendário da CBA. E, provavelmente e após negociação a prova de Taubaté novamente com o Campeonato Brasileiro”, finalizou.

O Rally dos Bandeirantes têm apoio de: Mercedes Benz Caminhões, SUZAQUIM Indústria Química, Guinchos Work, Trilha 23 Concessionária Troller, Prefeitura Municipal de Taubaté, Webventure, Revista 4×4 & Cia, Jovem Pan, Portal Web Pick-up, VP Adesivos Especiais, Totem Equipamentos de Cronometragem, RallyCron Cronometragem, Rally Radiocom, Sicafe Transportes, Center Gráfica Taubaté, Cervejaria do Gordo.

Classificação geral – 6º Rally Rota dos Bandeirantes:


1º Cristian Baumgart / Beco Andreotti (L200 EVO – PROT) 04:16:26,5
2º Marcos Baumgart / André Sawaya( L200 EVO – PROT) 04:18:52,8
3º Reinaldo Varela / Marcão Macedo (L200 RS – SPD) 04:19:28,1
4º Edu Piano / Fausto Dallape (Ranger – PROT) 04:20:05,0
5º 206 Roberto Reijers / Rogério Almeida (Ranger – PROT) 04:20:25,0
6º Marcos Moraes / Du Sachs (Work MEM – PROT) 04:21:50,1
7º Angelo Guazzelli / Carlos Brites (L200 RS – SPD) 04:23:14,9
8º Jorge Wagenfuhr / Gustavo Gugelmin (L200 RS- SPD) 04:27:43,0
9º Jean Azevedo / Youssef Haddad (L200 EVO – PROT) 04:27:47,7
10º Marcos Cassol / Fabio Peralli (L200 RS – SPD) 04:29:45,4


Classificação final da temporada 2008 da Copa RallySP:


Na Geral:
Piloto
1º Reinaldo Varela, 36,5
2º Jean Azevedo, 34
3º Cristian Baumgart, 26
4º Roberto Reijers, 20
5º Marcos Baumgart, 19,5


Navegador
1º Marcos Macedo, 36,5
2º Youssef Haddad, 34
3º Beco Andreotti, 26
4º Rogério Almeida, 20
5º Daniel Simon, 18


Por categoria:
Protótipos
1º Jean Azevedo / Youssef Haddad, 39
2º Roberto Reijers / Rogério Almeida, 30,5
3o Marcos Moraes / Edu Sachs, 28


Super Production:
Piloto
1º Reinaldo Varela, 50
2º Roberto Correa, 29
3º Ângelo Guazelli, 24


Navegador
1º Marcos Macedo, 50
2º Rômulo Secomandi, 20,5
3º Jorge Kupfermiinz, 20


Production:
Piloto
1º André Gordo, 34
2º Pedro Prado, 31
3º Albano Parente, 26


Navegador
1º Daniel Gay, 36
2º João Gilberto, 26
3º Hamilton Leite, 20


Força Livre:
1º Vitor Fischer / Daniel Simon, 50
2º Valério Valente / Bruno Pellegrini, 24


Caminhões:
Piloto
1º Amable Barrasa, 48
2º André Azevedo, 42
3º Felício Bragante, 28


Navegador
1º Maykel Justo, 42
2º José Papacena, 40
3º Weidner Moreira, 36

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *