Rally: Três estados disputam a chegada do Sertões 2010

Ceará, Distrito Federal e Rio Grande do Norte estão no páreo. Decisão será técnica.

Nem bem terminou a 17ª edição do Rally Internacional dos Sertões e a Dunas Race já contempla os planos para a competição em 2010. Durante a entrevista coletiva dos campeões, em uma das últimas atividades da programação deste ano, realizada na manhã deste sábado (04), em Natal (RN), a organização da maior aventura brasileira reconheceu que estuda pelo menos três possibilidades para o local de chegada na próxima temporada. No entanto, como acontece desde 2001, a largada será realizada em Goiânia (GO) como reconhecimento da crescente logística oferecida por aquele Estado, algo que vem colocando o Sertões como um dos eventos off-road mais admirados do mundo especialmente pelos estrangeiros que disputam a prova.

Para a 18ª edição do Rally Internacional dos Sertões, que será disputado em agosto de 2010, três Estados diferentes estão no páreo para receber a chegada da competição. “Basicamente temos três requisitos de maior peso: a região deve possuir valores turísticos que possam ser usados para divulgar o Brasil no exterior, é necessário que haja estrutura de divulgação local que permita a disseminação do noticiário da prova e, finalmente, precisamos de uma infraestrutura compatível com os padrões europeus, pois no Sertões recebemos grandes equipes e personalidades do esporte que precisam dessa logística impecável”, disse Marcos Moraes, presidente da Dunas Race, organizadora da corrida.

Na disputa para abrigar o término da maratona disputada por caminhões, carros, motos e quadriciclos, estão: Ceará, Distrito Federal e Rio Grande do Norte. “O Rally dos Sertões já passou duas vezes por Brasília, foi muito bom, e a data de comemoração de 50 anos (do Distrito Federal), que acontece em 2010 é importante. Também poderemos organizar uma etapa do Super Cross por lá”, comentou o presidente da empresa.

“O nosso Estado está orgulhoso de ter recebido o Rally dos Sertões e queremos reproduzir aqui o modelo de gestão de Goiás. É importante seguir o exemplo e a organização que eles apresentam. Queremos novamente o Rally em 2010, passando por Caicó e chegando em Natal, e faremos o impossível para isso”
, frisou Cláudio Porpino, presidente da Empresa Potiguar de Promoção Turística.

Na mesa que atendeu a imprensa, além de Marcos Moraes, de Cláudio Porpino e dos quatro pilotos vencedores em suas respectivas categorias – Carlos Sainz (carros), Cristiano Batista (quadriciclos), Edu Piano (caminhões) e Zé Hélio (motos) –, também esteve Carlos Ronay, diretor de infra-estrutura e operações turísticas da Goiás Turismo, órgão que coordena as atividades turísticas naquele Estado. “O modelo de gestão do Estado de Goiás neste evento se dá também por meio de parcerias municipais, além da estadual. Em nosso caso, são mais de 18 órgãos envolvidos diretamente. Estamos prontos para passar o nosso modelo, desenvolvido ao longo destes oito anos, para qualquer Estado interessado”, destacou Ronay.

O Rally dos Sertões 2009 é patrocinado por Petrobras e apoiado pelos Governos dos Estados de Goiás, Tocantins e Rio Grande do Norte, Ministério do Turismo, Goiás Turismo, Shopping Flamboyant, DCCO – Geradores e Motores Cummins, SAMA, Mitsubishi Motors e MACBOOT. O evento ainda conta com supervisão da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *