Seat Leon Supercopa: Marcello Thomaz estréia com pontos em Hockenheim

Em sua primeira competição de carros de turismo, brasileiro foi 11º e 7º colocado na rodada dupla de abertura da temporada.

O brasileiro Marcello Thomaz estreou marcando pontos na Seat Leon Supercopa. Na rodada de abertura do campeonato 2007, Thomaz conquistou a 11ª e a 7ª colocações nas provas realizadas no sábado e no domingo no circuito alemão de Hockenheim, somando oito pontos que lhe garantiu a 10ª colocação na classificação do campeonato.

Ainda se adaptando aos carros de turismo, Marcello marcou o 12º tempo na formação do grid de largada da primeira corrida, mas uma batida no início da prova o jogou para a 22ª e último lugar. Com a parte traseira do seu Seat Leon bastante danificada, Thomaz recuperou algumas posições e recebeu a bandeirada final em 11º lugar. “A primeira prova foi bastante complicada devido a batida que levei no início. O extrator na parte traseira ficou destruído e o carro ficou bem difícil de guiar. Mas com pouca experiência neste tipo de carro, meu objetivo era terminar a corrida e ganhar conhecimento nas competições de turismo. Com isso, fui ganhando confiança e nas últimas voltas da prova já andava no ritmo dos cinco primeiros colocados.”, disse Marcello.

Para a prova de domingo, a ordem de largada era definida pelo resultado da primeira corrida da rodada, só que com os oito primeiros largando em posição invertida, assim como acontece na GP2. Partindo da 11ª posição, Marcello se mostrou mais a vontade com o carro e chegou a ocupar a 6ª colocação na prova em uma disputa com o alemão Sebastian Asch, terminando a corrida na 7ª posição. “No domingo já consegui andar no pelotão dianteiro e sentir como é a disputa com o pessoal. Foi uma prova bem legal e ter tido uma bela disputa com o Asch, vencedor da primeira prova, mostra que realmente consegui evoluir durante o fim de semana”, contou o brasileiro.

O desempenho de Thomaz nas provas de Hockenheim chamou a atenção de sua equipe, a T.A.C. X-SYNRG, que não esperava que o brasileiro evoluísse tanto em tão pouco tempo. “A equipe me disse que superei as expectativas deles para este fim de semana e no box depois das provas chegaram a confessar que não esperavam que eu completasse as duas corridas, pois o pessoal que vem de monoposto geralmente se envolve em muitas batidas nesta fase de adaptação ao turismo. Fiquei contente com meu desempenho em Hockenheim, principalmente por ver que estou “pegando a mão” do carro rapidamente”, concluíu Marcello.

A próxima rodada da Seat Leon Supercopa está marcada para os dias 5 e 6 de maio em Oscherleben, também na Alemanha.

Resultado da prova de sábado (21 de abril)
1º Sebastian Asch (Alemanha), 14 voltas em 26min24s714
2º Mikko Heino (Finlândia), a 4s057
3º Damian Sawicki (Polônia), a 5s208
4º Bastian Kolmsee (Alemanha), a 7s831
5º Thomas Marschall (Alemanha), a 9s910
11º Marcello Thomaz (Brasil), a 35s898

Resultado da prova de domingo (22 de abril)
1º Bastian Kolmsee (Alemanha), 14 voltas em 26min48s069
2º Christian Hohenadel (Alemanha), a 2s866
3º Philipp Leisen (Alemanha), a 3s323
4º Marcus Steinel (Alemanha), a 4s117
5º Thomas Marschall (Alemanha), a 5s468
7º Marcello Thomaz (Brasil), a 7s639

A classificação do Campeonato após duas provas é a seguinte:
1º Bastian Kolmsee, 32 pontos
2º Sebastian Asch, 31
3º Christian Hohenadel, 25
4º Thomas Marschall, 20
5º Philipp Leisen e Marcus Steinel, 18
10º Marcello Thomaz, 8 pontos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *