Stock Car: Officer fecha ano com saldo positivo

Duda e Nonô otimistas para 2009.

Os pilotos da Officer Motorsport, Duda Pamplona e Nonô Figueiredo, terminaram o Campeonato Brasileiro de Stock Car 2008 com saldo bastante positivo em relação à temporada de 2007. Na classificação por equipes a Officer Motorsport também conseguiu se destacar ao terminar o campeonato na frente de times que tiverem pilotos classificados para o playoff, tal como aconteceu há um ano. Ao analisar os pontos somados pelo time, o diretor esportivo Fábio Gaia comentou que “frente ao equilíbrio maior na temporada recém terminada, o Duda e o Nonô melhoraram o índice de resultados em relação à temporada passada”.

No certame de 2007 a Officer terminou a temporada na 8ª posição na disputa entre as equipes com 101 pontos e em 2008 manteve a colocação com 86 pontos, se firmando entre os melhores times da competição. A competitividade mais destacada deste ano fica ainda mais clara ao se comparar o resultado alcançado por Nonô Figueiredo: os 35 pontos marcados em 2007 o deixaram em 21. lugar na classificação final. Uma temporada mais tarde Nonô marcou 36 pontos nas doze etapas da temporada, média de três por corrida, e ficou em 15. lugar na classificação por pilotos. A combinação de resultados cada vez melhores com o novo Stock Car deixa Nonô bastante otimista para 2009:

“A chegada do carro novo e as mudanças no regulamento podem criar algumas situações diferentes no inicio, mas as equipes e pilotos competentes sempre prevalecerão ao longo do ano. Vejo hoje a Officer como uma equipe preparada para buscar vitórias e  conseqüentemente o título; em outras palavras, minha expectativa não poderia ser melhor.”

Em 2007 Duda Pamplona subiu ao topo do pódio ao vencer a etapa do Rio de Janeiro, marcando 25 pontos no campeonato, ou cerca de 40% do total de 66 somados ao longo do certame, onde foi o 12º. Mais uma vez comprovando o nível mais alto de disputas, em 2008 Pamplona somou 50 pontos, mas ficou apenas uma posição abaixo no ranking de pilotos em relação ao ano anterior. Vale destacar que 54% dos pontos obtidos por Duda foram conseguidos nas três últimas etapas do ano, o que o deixaria em oitavo lugar em uma hipotética classificação utilizando apenas as quatro etapas do play off; pelo regulamento da categoria, após a oitava rodada os dez primeiros classificados recebem um bônus. Tais números dão a Duda a certeza que o resultado deste campeonato firmou a Officer Motorsport entre as principais equipes da Stock Car:

“Mais uma vez tivemos um ano muito bom, mas com gostinho de quero mais, especialmente após as corridas finais da temporada. Tivemos um carro competitivo, seja comigo ou com o Nonô em todas as etapas e vivenciamos um ano de consolidação da equipe entre as principais da categoria. A conclusão que tiro disso é que somos um time, e para pensar em campeonato precisamos nos consolidar como equipe e não só com um piloto ou outro.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *