Stock: Carlão Alves e Julio Campos na Stock Car em 2012

Carlão pilotou na categoria por 19 anos consecutivos

Após uma ausência de quase três anos consecutivos, o ex-piloto paulistano Carlão Alves, titular da Carlos Alves Competition Team, vai voltar a participar da Stock Car, agora como preparador e chefe de sua própria equipe, para disputar o título da categoria em 2012 e para tanto acabou de contratar o paranaense Julio Campos.

Carlão Alves, filho de imigrantes portugueses começou muito cedo, exatamente aos nove anos idade, não no kartismo como a maioria dos pilotos atuais, mas a trabalhar no açougue dos pais, porem sempre alimentando um sonho praticamente impossível para aqueles dias, de tornar-se piloto de carros de corridas.

Trabalhou duro e aos 19 anos em 1984, a despeito do descrédito dos amigos, que diziam que automobilismo era um esporte para milionários, conseguiu alugar um velho Opala e participar de uma etapa do automobilismo paulistano, na categoria Hot Car.

Largou em último, tomou volta dos ponteiros, mas gostou tanto da experiência, que já no ano seguinte com muito esforço comprou um Opala a prazo e pode disputar todas as etapas do torneio e acumular alguma experiência. Já em 1986, conseguiu vitórias e o vice-campeonato.

Em 1987, com o apoio do amigo e preparador Camillinho Cristófaro, venceu várias corridas e conquistou o título de campeão paulista de Hot Car. Em 1989 estreou na Stock Car com sua própria equipe, e disputou todas as etapas do campeonato, sendo eleito piloto revelação daquela temporada. Carlão Alves também venceu por duas vezes a tradicional Mil Milhas Brasileiras.

No ano de 1996, com recursos próprios amealhados apenas no automobilismo, comprou o terreno e construiu a sede de sua equipe, exatamente ao lado do Autódromo José Carlos Pace em Interlagos (SP), onde permanece até hoje.

Continuou a participar de todas as etapas da categoria até 2007 e 2008 foi o seu último enquanto piloto profissional, quando correu na equipe Nascar Motorsport, do ex-piloto Aloysio Andrade, tendo sido companheiro nesta derradeira temporada dos pilotos Thiago Medeiros, Juliano Moro e Rubens Fontes.

Em toda sua longa jornada na Stock Car, Carlão Alves largou 23 vezes na pole position, ganhou três corridas, marcou centenas de pontos e quase sempre esteve no pódio ao final das corridas.

Em 2009 inaugurou uma nova etapa em sua vida nas pistas, agora como chefe de equipe da Carlos Alves Competition Team, tendo como pilotos Julio Campos e Marcelo Tomasoni, na Copa Vicar. Nessa primeira temporada, a equipe conseguiu três vitórias, o vice-campeonato e o direito de disputar a Stock Car.

Como não se sentia maduro e experiente para disputar a Stock Car e conseguir resultados expressivos, cedeu o seu direito por duas temporadas para outros participantes e continuou a chefiar sua equipe na Copa Montana, permanecendo com Tomasoni e agora com Galid Osman no posto de Julio Campos, que havia migrado para a categoria principal.

Atualmente, depois de três temporadas na categoria de acesso, com a sua experiência bastante ampliada, retorna para a Stock Car, novamente contratando o piloto paranaense Julio Campos.

“Estou muito satisfeito de voltar a participar da Stock Car, agora como chefe de equipe, posto que gostei muito de ocupar por três anos consecutivos na Copa Vicar e depois na Copa Montana. Não posso dizer que ser chefe de equipe libere tanta adrenalina como pilotar, mas sem dúvida é uma atividade de muita estratégia e de grande risco. Qualquer decisão equivocada, por mais simples que seja, põe todo o trabalho do fim de semana a perder”, contou Carlão.

“Tomar decisões arriscadas, é o lado que eu mais gosto na chefia da equipe. Nesses três anos conseguimos bons resultados, inclusive vitórias, sempre arriscando. A Copa Montana é tão competitiva quanto à própria Stock Car, então se você não procurar um caminho diferenciado, não vai ter sucesso. Por outro lado, estou muito feliz de ter assinado o contrato com o Julio Campos, que é um piloto muito rápido, eficiente e sabe dar informações. Já trabalhamos juntos em 2009 e tenho certeza que novamente vamos conquistar bons resultados na Stock Car”, concluiu Carlão.

Realmente a parceria de Carlão com Julio Campos na Copa Vicar, foi muito forte e deu bons frutos, além de ter estabelecido uma sincera amizade entre ambos.

“Estou retornando para uma casa que eu conheço bem. Não quero correr com o Carlão apenas mais uma temporada, quero ficar muitos anos na sua equipe. O nosso relacionamento é muito bom e eu quero andar na frente na Stock Car, como fizemos na Copa Vicar em 2009”, afirmou o paranaense.

“Acredito no trabalho do Carlão principalmente agora que ele está muito mais experiente como chefe de equipe. Na pista o nosso entrosamento funciona e conseguimos tirar tudo do nosso carro. Estou muito animado para 2.012”, concluiu Julio Campos.

Após firmar o contrato de hoje (13/10) com Julio Campos, Carlão Alves acredita que até o fim do mês de novembro, já terá assinado e poderá divulgar o nome do outro piloto que será o companheiro de Campos na Carlos Alves Competition Team para a temporada 2012 na Stock Car.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *